X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Destaques

70% dos pequenos negócios esperam ampliar faturamento


Brasília – Sete a cada dez donos de pequenos negócios no país estão confiantes que seu faturamento vai crescer nos próximos meses. Os dados são de uma pesquisa inédita e nacional do Se­brae, realizada em conjunto com a Fun­dação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), e divulgada nesta quarta-feira (17), em São Paulo.

O estudo vai acompanhar mensalmente a situação e as expectativas sobre fatu­ramento e ocupação em todos os seto­res onde atuam microempreendedores individuais (MEI), microempresas e pequenas empresas brasileiras (MPE). As empresas desse porte representam 99% do total de empresas no Brasil e respondem por cerca de 25% do Pro­duto Interno Bruto (PIB).

“Com a aproximação do fim do ano, é natural que as empresas estejam mais otimistas, mas entre os pequenos negó­cios a confiança é maior porque seu foco é o mercado interno. O Indice de Confiança das Micro e Pequenas Empresas mos­tra que, apesar da crise internacional, os pequenos negócios têm sido pouco afetados e estão confiantes”, destaca o presidente do Sebrae, Luiz Barretto.

Os dados apurados sobre faturamento e pessoal ocupado ajudam a compor o Índice de Confiança das Micro e Pequenas Empresas (ICMPE), medido numa escala de 0 a 200, sendo 100 o ponto de equilí­brio. Em setembro, o Indicador foi de 122, demonstrando otimismo dos pequenos negócios em ampliar as receitas e as con­tratações. É o maior índice dos últimos seis meses – 6% acima do mês de março, quando o Sebrae iniciou o levantamento da série histórica. A partir de agora, a pesquisa será divulgada mensalmente, sempre considerando o desempenho das empresas no mês anterior e as perspec­tivas para o trimestre seguinte.

“O Indicador permitirá acompanhar o impacto da conjuntura econômica sobre a grande maioria das empresas brasileiras, que são as micro e pequenas empresas e os microempreendedores individuais. Os resultados demonstram que o segmento está registrando um re­aquecimento, o que beneficia a economia brasileira”, declara Barretto.

Cerca de 28% das empresas consul­tadas em setembro apontam que, no mês anterior, seu faturamento cresceu. Outras 46% declararam estabilidade. As empresas que informaram queda nas re­ceitas foram 26%, o menor percentual em seis meses. Em março, 40% dos em­preendedores afirmavam ter reduzido o faturamento.

Ocupação

O número de pessoas ocupadas – considerando o próprio empresário, funcionários com carteira assinada ou não, familiares e outros – também está em alta nos pequenos negócios. Oito por cento dos entrevistados em setembro ampliaram o número de vagas no mês anterior e 27% planejam contratar mais pessoal até novembro. Outros 84% dos entrevistados mantiveram o número de empregados, o que reflete um cenário econômico favorável.

Serviço:
Agência Sebrae de Notícias
(61) 3243-7851 / 3243-7852 / 2104-2771 / 2104-2775 / 9977-9529
Central de Relacionamento Sebrae: 0800 570 0800
www.agenciasebrae.com.br
www.twitter.com/sebrae
www.facebook.com/sebrae

Via RSS de RSS Feeds – Agência Sebrae de Notícias

Leia em RSS Feeds – Agência Sebrae de Notícias

Comente este artigo
Comente este artigo

Populares

Topo