X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Destaques

É possível ser feliz no melhor emprego do mundo?

felicidade no trabalho sidnei oliveira no jornal do empreendedor

Você gosta do que faz? Pense sobre isso com Sidnei Oliveira em sua estréia no Jornal do Empreendedor.


Sidnei Oliveira

Sidnei Oliveira agora no Jornal do Empreendedor.

Este artigo é a estréia de Sidnei Oliveira, consultor e autor do livro Geração Y – O nascimento de uma nova versão de lí­deres. Sidnei vai escrever regularmente no Jornal do Empreendedor.

felicidade no trabalho sidnei oliveira no jornal do empreendedor

O importante não é fazer o que gosta, mas sim gostar do que faz.

É possível ser feliz no melhor emprego do mundo?

Bom, o que você acharia de ganhar aproximadamente R$ 15 mil por mês, para ser o zelador de uma ilha paradisíaca, onde teria que coletar correspondências, passear pelas areias brancas, alimentar tartarugas marinhas e peixes, e observar o mergulho das baleias? Sua principal responsabilidade seria fazer posts diários em um blog, incluindo fotos e vídeos mostrando como foi o seu dia.

O empregador disponibiliza uma casa com três quartos e sacadas com vista para o mar, além de um buggy para transporte na ilha. As exigências são simples: ser comunicativo e saber escrever e ler em inglês. O empregador destaca que não é preciso ter qualificações acadêmicas, porém, é necessário saber nadar e ter espírito aventureiro.

Esse emprego existiu e foi anunciado há dois anos, em plena crise econômica mundial. A ideia surgiu para promover um lugar turístico na Austrália e teve, evidentemente, um grande efeito. Milhares de candidatos, de mais de 200 países, se inscreveram, contudo, apenas um candidato foi escolhido.

O inusitado desse episódio é que o emprego duraria apenas 6 meses, depois desse período, o contrato estaria encerrado e ele precisaria procurar outro emprego.

O britânico Ben Southall foi o escolhido no processo seletivo. Foi ele quem perdeu o “emprego dos sonhos” para se tornar um guia turístico. Será que ele foi feliz no melhor emprego do mundo?

Veja o vídeo

Provavelmente ele teve momentos felizes, contudo o conceito de felicidade é flexível e totalmente mutante, e é isso que permite uma reflexão sobre o que é a verdadeira expectativa sobre o melhor emprego do mundo.

Ser zelador na ilha, proporcionou um grande desenvolvimento pessoal ao sr. Ben, que trabalhava como arrecadador de verbas em sua cidade natal. A experiência teve o mérito de proporcionar um novo estágio de autoconhecimento. O emprego certamente criou condições financeiras mais vantajosas e o local de trabalho realmente era absolutamente agradável. Contudo, mesmo tendo características únicas, não foi suficiente para atingir as reais expectativas do Sr. Ben.

Depois de explorar o trabalho por algum tempo, ele descobriu que tinha uma vocação natural para a aventura, por isso começou a desejar mais desafios, mais conhecimento desse seu novo talento.

Usando de muita criatividade, o Sr. Ben conseguiu achar uma forma de transformar sua experiência em um empreendimento que fosse mais duradouro. Hoje ele é um respeitado guia turístico na Austrália e promove aventuras para seus clientes.

Ter a chance de descobrir seu talento certamente foi o melhor benefício que o emprego de zelador da ilha lhe proporcionou.

Se conseguirmos explorar nosso trabalho ao ponto de  descobrirmos todo o  nosso potencial, estaremos então caminhando na direção de transformar nosso trabalho no melhor emprego do mundo. Afinal, como diz o ditado popular:

O importante não é fazer o que gosta, mas sim gostar do que faz.

Comente este artigo
Comente este artigo

Populares

Topo