X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Destaques

Empresárias baianas disputam etapa nacional de prêmio


Salvador – A empresária de Ilhéus, Janete Lainha Coelho, foi uma das vencedoras da etapa estadual do Prêmio Sebrae Mulher de Negócios. De lá para cá, a proprietária da Casa Camarim, que trabalha com aluguel de fantasias e acessórios, vem derrubando preconceitos e conquistando espaço. Janete será a representante baiana da categoria Pequenos Negócios na etapa nacional do Prêmio Sebrae Mulher de Negócios. A premiação acontece nesta quinta-feira (7), às 10h30, na sede do Sebrae Nacional, em Brasília.

Janete conta que o amadurecimento do negócio foi conquistado graças aos parceiros que a estimularam a acreditar. “Aprendi a estabelecer metas e a definir estratégias a médio e longo prazo. Ter consciência ambiental e pensar o desenvolvimento da cultura local passaram de aspirações para integrar efetivamente a nossa gestão. E o Sebrae tem papel fundamental nessa caminhada. Espero que meu exemplo sirva de incentivo para outras mulheres”, declara.

A história de Janete Lainha se confunde com as de tantas mulheres que buscam excelência na gestão. Esse é o caso da primeira microempreendedora individual (MEI) a conquistar a etapa estadual em 2012, a costureira Annete Santana. Ela também será a primeira MEI a disputar a etapa nacional do Prêmio Sebrae Mulher de Negócios. Há cerca de dez anos, a renda de Annete baseia-se exclusivamente na costura. “Fui me organizando e sempre me planejando para crescer”, diz. Com a possibilidade de se cadastrar como MEI, novas oportunidades surgiram. “Além de possuir um Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ), posso emitir nota fiscal, o que é ótimo para a compra de tecidos”, destaca a costureira.

Das 3.625 inscrições registradas em todo o país, a Bahia contou com a participação de 465 mulheres. Para a gestora do Prêmio Mulher de Negócios no estado, Mariza Xavier, a iniciativa é uma oportunidade de reconhecer a história de garra e determinação das mulheres empreendedoras, fazendo com que esses relatos sirvam de exemplo e motivação para outras potenciais empresárias. “Uma das características da mulher gestora é a persistência em fazer o negócio dar certo. Apesar de assumirem vários papéis na sociedade e de estar à frente do negócio, elas vem se destacando pela entrega, organização, comprometimento e paciência”.

Com o objetivo de fomentar o empreendedorismo feminino, desde 2004, o Prêmio Sebrae Mulher de Negócios vem revelando a trajetória profissional de empreendedoras de sucesso. A vencedora da etapa nacional de cada categoria ganhará uma viagem a um centro internacional de empreendedorismo, com destino definido pela coordenação do prêmio, além de 16 horas de consultoria direcionada. A iniciativa do Sebrae conta com a parceria da Secretaria de Políticas para as Mulheres do Governo Federal, da Federação das Associações das Mulheres de Negócios e Profissionais do Brasil (BPW) e da Fundação Nacional da Qualidade (FNQ).

Serviço:
Agência Sebrae de Notícias Bahia
(71) 3320-4557 /4558 / 9222-1612 /9174-9142
Central de Relacionamento Sebrae: 0800 570 0800
www.ba.agenciasebrae.com.br
www.twitter.com/sebraebahia
www.facebook.com/sebraebahia

Via RSS de RSS Feeds – Agência Sebrae de Notícias

Leia em RSS Feeds – Agência Sebrae de Notícias

Comente este artigo
Comente este artigo

Populares

Topo