X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Novidades pela net

10 dicas para começar um negócio online


Na era da internet de alta velocidade, todos os negócios encontram neste ambiente o melhor meio para divulgação dos seus serviços e produtos gerando, de forma passiva, novos contatos de clientes para suas empresas. Entretanto, ainda faltam muitas informações que detalhem para o empreendedor o passo-a-passo para ter sucesso online.

Abaixo, compartilhamos algumas dicas com base na nossa própria experiência de anos de empreendedorismo e negócios online para facilitar a vida de quem já empreende ou pretende empreender.

1. Teste ideias gastando pouco

Costumo dizer que para empreender não é preciso investir alto para arrumar a casa e depois ofertar a sua empresa para o mercado. Opte sempre por investir pouco, muito pouco mesmo, para testar a viabilidade do seu negócio. Esqueça o mito de que compradores só compram algo bonitinho e arrumado na vitrine. Compradores compram soluções para os seus problemas e necessidades. Se você apresentá-los uma, da forma que for, fechará vendas.

2. Encare críticas apenas como feedback do mercado

Remova toda a angústia que você sente quando recebe uma crítica e encare-a apenas como um feedback do mercado. Enquanto empreendedores temos que compreender que conforme crescemos, mais críticas recebemos e que, por consequência, temos que ir melhorando continuamente os nossos negócios. Se nossos clientes não criticam nosso negócio ou produto, ficamos ilhados sem informação sobre o nosso negócio que fatalmente irá declarar a sua falência a médio prazo.

3. Faça investimentos proporcionais ao desenvolvimento do negócio

Continuamente faça investimentos no seu negócio, mas nunca invista mais do que o retorno que ele estiver te dando. Se você testou uma ideia de negócio e ela já deu algum dinheiro, é hora de pensar o que você precisa fazer nesta ideia para refiná-la com o menor investimento possível. Faça desse costume um ciclo infinito de melhoria contínua e você verá seu negócio crescer de maneira constante e sem dar prejuízos.

4. Facilite as formas de pagamento

Não dê trabalho para o seu cliente te pagar de forma alguma. Facilite ao máximo esta parte para ele oferecendo diversas formas de pagamento. Hoje em dia nós temos na internet boas empresas intermediadoras de pagamento como o PagSeguro e o BCash que oferecem ao seu cliente, uma forma fácil de escolher entre boleto bancário, transferência eletrônica ou cartão de crédito, parcelando o pagamento em até 24 vezes. Assim, você não precisará ter custos com a implantação de meios de pagamento em sua loja online ou site e receberá os valores tranquilamente na sua conta bancária. Facilidade para o seu cliente e também para você.

5. Tenha um único objetivo com o seu projeto

Quando seu visitante entrar no site do seu negócio online ele precisa ter claro que você tem um objetivo com ele. Do contrário seu visitante deixará o site sem ao menos lhe dar o seu e-mail. Esse objetivo pode ser inicialmente o download de um e-book gratuito para coletar os e-mails dos visitantes ou mesmo a apresentação direta de serviços ou produtos da sua empresa. O empreendedor precisa ter clareza do que quer com o seu site para transmitir esta mesma clareza para o seu visitante, compreendendo, além disso, que o seu site é a porta de entrada do funil de vendas da sua empresa.

6. Pense sempre a longo prazo

Saiba para onde você está indo sempre. Começar um negócio pensando somente no mês seguinte é um erro grave que a maioria dos jovens empreendedores comete. Mesmo que o seu negócio não exista, saiba onde você quer chegar com ele em um, dois, cinco e dez anos. Pense nele como pensa na sua carreira, refletindo sempre na estratégia que adota. Além de isso lhe dar mais segurança e certeza das coisas, também transmitirá segurança para seus clientes e também para aqueles que provavelmente comprarão de você um dia.

7. Crie um modelo de negócio escalável

Neste artigo, eu explico o que é e como criar um negócio escalável e sugiro que você ao longo do seu empreendimento foque sempre na sua liberdade de tempo. Ou seja, automatize o seu negócio de forma que ele possa funcionar sem você e também com a menor equipe possível. Recentemente nós automatizamos a concessão de acesso aos clientes dos nossos cursos e ficamos bastante felizes ao perceber que as vendas eram realizadas e que não era preciso fazermos qualquer operação manual para efetivá-las, melhorando a sensação de compra dos nossos clientes (que agora compram e recebem na hora o acesso aos seus cursos) como também a sensação de controle de nossa parte sobre nossos alunos.

8. Dê suporte ao seu cliente

Um item essencial e esquecido nos modelos de negócios é o suporte. Esse é o diferencial fundamental dos negócios e principalmente dos negócios online, onde seu cliente está sozinho do outro lado da tela querendo conversar com você. Se você não dá uma resposta ou demora mais de 24 horas para responder um e-mail de um cliente, corre o risco de receber uma avaliação negativa e sofrer para recuperar a sua imagem. Dê o máximo de atenção aos seus clientes e monte o seu modelo de negócio pensando sempre em como você conseguirá dar suporte efetivo aos seus clientes conforme ele cresce.

9. Utilize ferramentas de e-mail Marketing

Faça uso de ferramentas de e-mail marketing como o Madmimi e crie um relacionamento com o seu cliente lhe comunicando sobre novos posts no blog da sua empresa, novidades do seu mercado e também oferecendo-lhe seus produtos. As ferramentas de e-mail marketing possuem uma funcionalidade muito bacana onde você pode agendar mensagens periódicas enviadas automaticamente para os seus clientes a partir do momento em que eles se cadastram em uma das suas listas de e-mail. Você pode agendar para enviar uma mensagem nova para ele a cada semana, de forma automatizada, sem gastar nenhum recurso, por exemplo.

10. Aprenda e utilize WordPress

O WordPress é um poderoso software de gestão de conteúdo online e gratuito que permite que pessoas com pouco ou nenhum conhecimento de tecnologia criem seus próprios sites. Com ele é possível colocar projetos online de maneira super rápida, com pouquíssimo investimento de tempo e dinheiro e sem contratar um programador sequer. Tanto é assim, que recentemente lançamos um curso voltado para os empreendedores que não querem mais perder tempo e dinheiro contratando uma empresa ou programador para colocar seus negócios online e estamos tendo o maior sucesso com os alunos que têm produzido muita coisa boa com WordPress. Conheça o curso, clicando aqui.

Se você também possui um negócio online e sentiu falta de alguma dica aqui, por favor utilize o espaço abaixo para fazer o seu comentário e compartilhar o que sabe com outros empreendedores.

 

fab insistimento d WdqtTZIU

fab LNjCs

Via RSS de Insistimento

Leia em Insistimento

Comente este artigo

Populares

Topo