X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Novidades pela net

Como um dos melhores comerciais da história do Super Bowl quase foi cancelado pela Apple


Você deve conhecer o comercial da Apple baseado no livro “1984″. Provavelmente você já viu o comercial. Sabe, trata-se de um comercial que é considerado por muitos um dos melhores de todos os tempos. Mas você sabia que a Apple quase o cancelou antes que ele fosse exibido?

Claro, ele não foi quase cancelado por Steve Jobs, que amou o comercial. Ele foi quase cancelado pelo povo que estava no conselho executivo da empresa. Mike Markkula, ex-membro do conselho da Apple, quis até demitir a ChiatDay (a agência de publicidade que fazia o marketing da Apple na época) porque ele achou o comercial muito ruim, e o CEO da época, John Sculley, disse à ChiatDay que era melhor vender o tempo que a Apple havia comprado para o Superbowl do que usar aquela propaganda.No resumo, TODO MUNDO DO CONSELHO ODIOU.

A ChiatDay acabou inclusive vendendo um dos dois horários que eles tinham (eles se recusaram a vender o outro e mentiram para a Apple, dizendo que era tarde demais para vender). Assim, a Apple, contrariada, decidiu segurar e repensar no que faz, já que ela já havia pagado pelo horário.

A melhor parte da história é quando Woz ficou sabendo que o comercial estava tendo problemas e disse para Jobs que ele pagaria metade dos US800 mil necessários para exibir o comercial, desde que ele pagasse a outra metade. A lição de sempre é que Woz é um cara animal. Leia tudo sobre o caso do comercial “1984″ do Super Bowl no Mental Floss. [Mental Floss]

f LcCvJBVZY

Via RSS de Gizmodo Brasil

Leia em Gizmodo Brasil

Comente este artigo

Populares

Topo