X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Novidades pela net

Desmistificando o plano de marketing


Um plano de marketing pode assumir diversas estruturas, influenciado por fatores como área de atuação e porte. Admitindo que os meus leitores são micro e pequenos empreendedores cuja disponibilidade de tempo e de recursos é escassa, nada mais justo do que compartilhar uma abordagem realista, clara e objetiva. Esse post tem por objetivo dar uma sequência lógica ao anterior, e lhe fornecer referência para “montar o quebra cabeça” descrito no item 3.

O composto de Comunicação Integrada de Marketing (CIM) ideal não tem nada a ver com aquele que você implementaria se a sua empresa tivesse todo o investimento do mundo disponível. Ideal, será, se ele for coerente e condizente com o estágio em que se encontra o negócio, direcionado ao público-alvo correto, estiver alinhado com a identidade corporativa, combinar ferramentas que sejam estrategicamente complementares, e dispuser dos recursos organizacionais necessários (físicos, financeiros, humanos, mercadológicos e administrativos) para executá-lo consistentemente.

Com base no dito acima, valide em 5 perguntas se você está pronto para elaborar uma estratégia de CIM ideal:

1) Você sabe em que estágio a sua empresa se encontra dentro do ciclo de vida organizacional?

2) No universo de pessoas ou empresas que desejam ou necessitam o produto que a sua empresa comercializa ou o serviço que presta, você consegue definir claramente a quem direcionar a sua comunicação e dedicar os seus esforços?

3) Você está genuinamente disposto a fazer uso de ferramentas e ações que estejam em harmonia com a missão, visão e valores da empresa? A relevância desse equilíbrio é clara para você?

4) Você entende que as ações que vierem a compor a sua estratégia precisam ser eficazes por si só e ao mesmo tempo complementarem umas as outras, para dar sentido ao “integrada” contido em CIM?

5) Você considera dispor do mínimo de recursos organizacionais para implementar uma estratégia de CIM?

Se a sua resposta foi não para duas ou mais perguntas, tudo indica que o momento não é propício para começar o seu plano, mas sim para estudar, analisar e formar opiniões convictas em relação às questões propostas. Já se você respondeu a grande maioria das perguntas com um sim que ecoou convencimento, é tempo de arregaçar as mangas e partir para os aspectos formais do plano de marketing que incluem as tradicionais análise de mercado, análise da concorrência, análise interna, análise SWOT, marketing mix, etc.

Ao longo do processo de elaboração do seu plano, avalie o que os seus clientes querem/precisam. Escute os anseios deles para evitar que o seu produto/serviço repita os erros dos que já estão no mercado há mais tempo que o seu. A partir das informações que você coletou dos clientes, use todos os recursos disponíveis (internet, palestras, grupos de mastermind, trabalhos e referências acadêmicas) para superar as fraquezas diagnosticadas e desenvolver forças diferenciadas.

Cuidado! Não cometa erros básicos tais quais usar apenas a internet para coletar informações, entrevistar somente pessoas que você conhece, e confiar cegamente em informações publicadas por terceiros. Se o seu plano for bem estruturado e embasado como um todo, o composto de Comunicação Integrada de Marketing vai fluir com naturalidade e a tendência será que você encontre pleno sentido na seleção das ferramentas e de suas respectivas ações.

Caso você tenha interesse em explorar conceitos, estratégias, cases e informações que possam te auxiliar no processo de elaboração do plano de marketing e do composto de CIM, deixo o livro Administração de Marketing no Brasil, do professor Marcos Cobra, como dica de leitura e fonte de inspiração.

cf ZxpVPkiVU

Via RSS de Insistimento

Leia em Insistimento

Comente este artigo
Comente este artigo

Populares

Topo