X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Novidades pela net

Games farão os apps brasileiros conquistarem o mundo, finalmente


aquiris_game_cartoon_network_great_prank_war_guerra_das_pegadinhas

No editorial de domingo anterior, comentei sobre o destaque e o desempenho que os aplicativos móveis brasileiros Blogo e GuiaBolso vem tendo na App Store. Hoje vou comentar um paradoxo que há muito tempo ronda o mercado brasileiro de games: gastamos muito dinheiro com produtos estrangeiros e quase nenhum dinheiro com produtos nacionais. Recentemente, um jogo feito por uma startup brasileira foi o terceiro jogo pago mais baixado na loja da Apple.

Já compartilho com vocês sobre a trajetória inovadora do estúdio de games gaúcho Aquiris desde 2012, quando entrevistei o co-fundador Israel Mendes (veja). No início deste ano, eles conseguiram fazer com que a CRP voltasse a investir em startups (veja) e nesta última semana eles tiveram seu jogo ” The Great Prank War” (inspirado no seriado de animação “Te regular show”/Apenas um show) ser destaque na App Store de 100 países. Turbinado por um acordo de distribuição com a gigante Cartoon Network (responsável pelo desenho animado), o título desenvolvido pela Aquiris custa 2,99 dólares e, creio eu, vale cada centavo. Na Google Play, loja para aparelhos que rodam Android, o jogo chama-se Guerra de Pegadinhas e custa bem mais barato, R$ 2,25.

Eu sou péssimo em jogos, mas convivo com gente que joga muito, então consigo distinguir entre algo feito com qualidade outstanding. Em jogos, cada detalhe conta. Eu gosto de ritmo, eu gosto de música. Pra mim, não apenas a trilha sonora e os efeitos são deal breaker: cada movimento, cada dinâmica precisa respeitar a Física Grooviana. Ou desrespeitá-la com estilo. Estou há horas não jogando, mas ouvindo The Great Prank War, eventualmente mudando de tela e clicando whatever como se fosse um DJ ignorante, e so far estou me divertindo bastante. Infelizmente, o jogo, que virou o terceiro mais comprado pelos norte-americanos na última semana, ainda está apenas na posição 71 na loja brasileira.

Quem dera o mercado fluísse com tanto groove quanto o jogo em si. Quem dera os brasileiros fossem conhecidos (ao menos pelos próprios brasileiros) por desenvolverem produtos incríveis. Desde que fundamos o Startupi em 2008, acreditamos nisso e, a cada ano, vemos que mais e mais startups nacionais conseguem colocar seus produtos no mercado. A conquista da Aquiris acontece dentro de uma categoria de mercado bastante específica e ainda delicada dentro do país, portanto é um misto de alívio e esperança (e competência, claro).

O post Games farão os apps brasileiros conquistarem o mundo, finalmente apareceu primeiro em Startupi.com.br.

cccca UqRWXwjVQs

Via RSS de startupi

Leia em startupi

Comente este artigo
Comente este artigo

Populares

Topo