X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Novidades pela net

Porque ainda somos digitais por acidente


Matrix3

Quem nasceu em 1995, início da internet comercial no Brasil, está fazendo 18 anos agora em 2013. Mas ainda não é essa geração que cuida dos negócios em nosso país, e muitas pessoas que nasceram em 1995 ainda não tinham internet ou computador em casa.

Existem poucas pessoas digitais de verdade em nossa sociedade, a maioria de nós aprendeu a usar computador e internet depois de ser alfabetizado, depois de ser doutrinado a consumir informação e estudar de outras formas.

Talvez num desespero de ser digital de verdade eu vejo muita gente usando tecnologia de uma forma bem irresponsável. Veja bem, não sou nenhum tipo de juiz ou autoridade pra sair por aí pregando que isso ou aquilo é errado ou proibido, mas quando empresas começam a falir e pessoas começam a ficar doentes é porque tem sim algo errado.

Já parou pra pensar se roubassem toda a sua tecnologia hoje? O que realmente você seria obrigado a comprar novamente? Se cancelassem todos os serviços tecnológicos que você assina, quais você seria obrigado a assinar novamente?

É possível viver com muito menos tecnologia, para as empresas muitas vezes isso significa mais lucro, e para as pessoas mais tempo livre.

Eu vim do mercado de tecnologia, trabalhei com softwares de gestão e fui namorando a comunicação e o marketing por 8 longos anos até me aventurar a trabalhar apenas com internet. Muitas pessoas e empresas que fizeram esse mesmo caminho ainda não entenderam que mídias sociais tratam de conversas, que SEO trata de privilegiar os melhores conteúdos e storytelling é sobre contar histórias.

Tem muita iniciativa de mídias sociais que não gera conversas, de SEO que apenas turbina o site com tags e palavras chaves e storytelling que usa um monte de mídias mas não prende a atenção do leitor. Fico triste quando uma empresa não investe em marketing digital, mas quando olho os exemplos ruins, entendo porque eles fizeram isso.

Somos digitais por acidente e o fato de estarmos usando a roda não significa que já inventamos os carros.

Tenho pensando na minha vida e nos meus negócios com menos tecnologia, e depois adicionado a tecnologia para resolver os problemas que não consegui resolver “no braço”. O resultado final tem sido um uso mais eficiente das soluções digitais.

Você não precisa voltar para o tempo das cavernas e viver sem eletrônicos, mas pode pular a Idade Média, entender que nada disso é bruxaria e usar a tecnologia para resolver problemas, ao invés de criar novos problemas para sua vida e sua empresa.

Via RSS de ResultsON

Leia em ResultsON

Comente este artigo

Populares

Topo