X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Growth Hacking

8 dicas práticas de crescimento

dicaspráticasdecrescimento

Selecionamos 8 dicas de Aaron Ginn para usar growth hacking na prática


Selecionamos 8 dicas de Aaron Ginn para usar growth hacking na prática

Como conseguir atingir o crescimento em uma startup?

Como conseguir atingir o crescimento em uma startup?

Filosofar sobre crescimento e  growth hacking é viajar, mas há uma escassez de dicas práticas sobre a construção de uma empresa através de growth hacking. A implementação do crescimento em uma organização é um trabalho árduo e sem glamour.

Para suprir essa escassez, aqui estão algumas dicas práticas de Aaron Ginn, baseado em sua experiência como growth hacker.

#1. Tempo de iteração

Testes após testes levam ao que podemos chamar de testing burnout. Isso acontece quando encontrar uma resposta para a hipótese tem um custo mais elevado do que a possível recompensa.

O primeiro sinal de testing burnout aparece quando a equipe começa a ficar sem ideias razoáveis ​​para testar.

Neste ponto, um resultado já não vale a pena para a sua equipe e a probabilidade de encontrar um teste positivo começa a diminuir.

#2. Frutos fácil de colher não são reais

Tenha cuidado com os frutos fáceis de serem colhidos (mais conhecido como vitórias fáceis).

Essas correções ou características são metas fáceis por uma razão. Essas vitórias fáceis podem não ter muito valor, pois os usuários não se importa se são testes superficialmente baratos. Frutos mais fáceis podem drenar recursos e diminuir sua velocidade de crescimento.

#3. A velocidade da equipe é o principal objetivo

A velocidade leva ao crescimento e o crescimento vive de velocidade. O momentum é essencial para encontrar o crescimento.

Cada teste é uma oportunidade para aprender algo novo.

Lembre-se sempre de diminuir o máximo possível, sem degradar o poder de explicação dos resultados dos testes.

#4. Teste sabiamente suas camadas de risco

Não morda mais do que você pode mastigar. Desde que a velocidade virou o caminho para o sucesso, iterações grandes e caras podem atolar uma equipe.

Para manter as coisas em movimento, é preciso misturar grandes e pequenos testes no mesmo sprint para suportar a sensação do momentum.

#5. Resolva a hipótese nula

Não segure suas ideias como se fossem leis. Para que o crescimento seja bem sucedido, o ego deve ser deixado de fora. Espere que a maioria de suas ideias fracasse.

Provavelmente mais do que 80% dos testes executados vão falhar na baseline.

#6. O atendimento é seu defensor

Uma vez que uma iteração validada e testada vai ser produzida, espere de alguns usuários o envio de reclamações. O atendimento ao cliente pode ser um dos melhores defensores de uma equipe de crescimento.

Usar essas iterações com o usuário é mais uma oportunidade para coletar dados qualitativos e feedback, mas coloque em perspectiva, uma vez que o feedback normalmente é negativo.

O atendimento é o maior defensor de uma startup.

O atendimento é o maior defensor de uma startup.

#7. Problemas técnicos são assassinos sutis

Cada engenheiro está constantemente criando novos problemas técnicos.

É impossível evitar. Mantenha a os problemas sob controle, já que, caso contrário ela gradualmente sufoca a velocidade. Certifique-se de que as iterações falhas sejam devidamente manuseadas e não levem metade dos recursos construídos por uma questão de velocidade.

#8. O principio de Pareto no gerenciamento de produtos

A equipe de crescimento é melhor utilizada em pesquisas e desenvolvimentos de canais de distribuição. A equipe de crescimento deve se preocupar em entregar produtos 80%, que pode ser definido como um estado suficientemente bom.

Bo suficiente significa que o recurso funciona como esperado e os usuários vão experimentar o valor mesmo faltando expectativas de alta qualidade dos usuários finais.

Os últimos 20% tem um impacto a margem do menor em comparação aos primeiros 80%. O último trabalho de qualidade de 20% deve ser deixado para a equipe principal do produto.

Combine as dicas com os preceitos de lean product develompement e agile software developement

Claro, todas as dicas acima são apenas band-aids, se você não segue os conceitos básicos de desenvolvimento de produtos enxutos e agile software.

Não se envolva no buzz.

Um bom cálculo de custo, a propriedade do produto compartilhado, e diligência de um Sprint planejado irá percorrer um longo caminho para mover a curva de crescimento ascendente.

___

Este artigo foi adaptado do original, “8 pratical tips for growth”, do Aaron Ginn’s Thoughts.

Comente este artigo

Populares

Topo