X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

startup financing
Startups

Cinco fatos sobre financiamento que podem impactar na sua startup

Qualquer fundador de startup deve lidar com uma questão básica: Onde posso obter o dinheiro para começar o meu negócio?


Internet Trends 2019Powered by Rock Convert

A menos que você seja um bem nascido com um suprimento infinito de recursos, você vai ter que começar a partir de outro lugar.

Então… Onde você conseguiu isso?

Eu comecei algumas empresas. No processo eu acumulei experiência no desenvolvimento de diferentes métodos de financiamento. Cheguei à conclusão que método não importa, no entanto, o financiamento tradicional, em geral, tem alguns grandes aspectos positivos. E ele também tem algumas desvantagens também.

Com essa dupla perspectiva em mente, deixe-me compartilhar com vocês alguns dos fatos sobre o financiamento de startup hoje. O meu objetivo aqui é ajudar a tomar as melhores decisões de financiamento para a sua startup, sejam essas decisões tradicionais ou não convencionais.

Em ambos os casos, financiar uma startup é um grande empreendimento. Vai influenciar toda a existência, operação, história e legado do negócio, por isso é melhor fazer isso com sabedoria.

1. O financiamento de startup convencional distorce as avaliações de negócios.

O financiamento de startup está  uma bagunça atualmente.

O mundo está curioso para saber sobre as startups “unicórnio” avaliadas em bilhões de dólares. Mas e essas avaliações?

Muitas vezes, elas são imprecisas.

Especialistas e profetas identificaram um “um segredo sujo inflando a bolha da tecnologia” que está ameaçando desfazer toda a legitimidade de financiamento da tecnologia.

O segredo sujo é este: A avaliação está distante para muitas startups de tecnologia.

O futuro assustador é este: o financiamento convencional vai secar.

A torneira do financiamento não vai desligar completamente ou instantaneamente, mas o grande volume vai virar um gotejamento.

Que lição você deve aprender? Não contar com a possibilidade de valorização poderosa ou com uma inundação de financiamento.

A indústria de fundos está em fluxo agora e, infelizmente, startups vão acabar ficando jogadas por aí.

2. O financiamento convencional de startup requer que você conheça alguém. Ou conheça alguém que conhece alguém.

O investimento-anjo faz soar como se alguma divindade lá do alto segurando uma harpa descerá prontamente para lhe oferecer dinheiro.

Obviamente, os investidores-anjo não têm nem asas e nem quantidades ilimitadas de dinheiro. Normalmente, os negócios que eles financiam são transmitidos através de um gasoduto estreito de amigos, confidentes, e incubadoras.

A menos que você conheça alguém ou conheça alguém que conhece alguém, a possibilidade da sua garantia de um grande investimento de um anjo benevolente é escassa.

3. O auto-financiamento força que você se concentre nas receitas.

Não há nenhuma maneira melhor de prestar atenção na receita do que colocar o seu próprio dinheiro na startup.

Concentrar-se na receita é uma das maneiras mais rápidas para se tornar rentável e permanecer rentável em tempo recorde.

O financiamento convencional, pelo contrário, obriga você a se concentrar na captação de recursos. Em vez de fazer o que você faz de melhor – marketing online, produção, gestão, qualquer que seja – você é obrigado a vestir-se e apresentar as suas ideias.

Você é um empreendedor, então o seu bem mais valioso é o tempo. No que você preferiria gastar o seu tempo fazendo? Em pedindo dinheiro ou fazendo o dinheiro?.

Claro, há um pouco de dilema da galinha e do ovo, mas se você tiver um mínimo de dinheiro para investir em seu negócio, você pode querer ir em frente e fazer um investimento. Se você acredita nisso, investe nisso.

Concentrar-se na sua receita é algo de valor inestimável, e é isso que você está comprando quando você auto-financia a sua startup.

Veja quanto algumas startups famosas precisaram para começar.

Veja quanto algumas startups famosas precisaram para começar.

4. Crowdfunding é uma fonte legítima de financiamento.

Quando você pensa em “crowdfunding“, você provavelmente está pensando “Kickstarter” e “GoFundMe.”

Se assim for, então você estaria no local certo.

Esses sites e outros são os mais populares e bem reconhecidos sites de crowdfunding. Há uma série de outros, sites de financiamento menores que atendem a grupos e tipos de negócios específicos.

Eu já ouvi todas as objeções comuns ao crowdfunding. Ele tem um monte de recursos, esforço, logística e risco.

Claro, mas os riscos de crowdfunding não são maiores do que os riscos em qualquer outro tipo de financiamento.

Olha, o financiamento é endemicamente arriscado para todas as partes envolvidas. Nossa, o empreendedorismo é arriscado. Então, esteja em paz com o risco e não descarte uma ideia apenas porque tem um elemento de risco.

Se o GoFundMe não é seu estilo, tudo bem. Pegue o site como angel.co, como exemplo. Tecnicamente, poderia ser chamado de um site de crowdfunding, mas é também uma um quadro de vagas, local de encontro de investidor, e um site de networking. Além disso, é muito eficaz em levantar dinheiro.

Em 2015, Angel.co levantou US$ 163 milhões para 441 startups de 3.379 investidores. Com cada investidor colocando menos de US$ 50.000 em seus investimentos, Angel.co oferece uma conduta de investimento de baixo risco e um mesmo campo de oportunidades para as startups.

5. Os empréstimos bancários são uma opção tão atraente como qualquer outra fonte de financiamento.

Não negligencie o óbvio. Em algum lugar no seu bairro está um banco sólido e respeitável que está disposto a emprestar-lhe algum dinheiro para alavancar o seu negócio.

Claro, isso não é tão sexy como uma firma de capital de risco do Vale do Silício, oferecendo-lhe grandes quantidades de dinheiro. Mas a essência de uma startup não está em apresentações eficientes em escritórios de Venture Capital. A essência de uma startup está começando do zero. Se a sua cooperativa de crédito do bairro pode dar-lhe o dinheiro mais rápido ou mais eficaz do que o capital de risco do Vale Silício, então, pegue o seu carro e dirija até a união de crédito!

Conclusão

A busca por financiamento está mudando. Empreendedorismo ainda é uma opção viável para o seu sucesso futuro. Muitas startups ainda vão atingir os seus objetivos, apesar da mudança nos ventos.

Ora! Como em qualquer era de negócios impulsionada pela concorrência, as regras estão constantemente oscilando. No fim das contas, a criatividade, a determinação e o instinto vão prevalecer. Não confiar nos modelos de financiamento de uma época passada, já é um bom começo.

Quais são as suas melhores ideias para conseguir financiamento para a sua startup?

Internet Trends 2019Powered by Rock Convert
Internet Trends 2019Powered by Rock Convert
Comente este artigo

Populares

Topo