X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Liderança

Crie seu próprio carisma

Crie seu próprio carisma.

O que você precisa aprender sobre ganhar confiança e escrever a sua história


O que você precisa aprender sobre ganhar confiança e escrever a sua história

O menino nunca pensou que seria capaz de se comunicar com os outros. Ele desenvolveu uma gagueira que era tão grave que parou de falar.

Por uma questão de fato, ele permaneceu mudo durante 8 anos – até que uma professora de inglês tomou conhecimento do dom do menino para a poesia. A professora obrigou-o a recitar todos os dias em sala de aula para melhorar a sua confiança e capacidade de falar em público.

O sucesso do professor é evidente, como você prontamente vai admitir se já ouviu James Earl Jones entoar “esta é a CNN” no canal de notícias, ou se você já assistiu à trilogia Star Wars, assustando os espectadores como Darth Vader.

E você pode enxergar o abismo que ele precisou cruzar entre um garoto que tinha vergonha de falar para se tornar uma das vozes mais marcantes das últimas décadas.

Olivia Fox Cabane, autora de “The Carisma Myth”, diz que o maior mito sobre o carisma é o fato de acreditar que ele é um talento inato. A verdade é que você pode criar e dominar o seu próprio carisma, se você estiver disposto a fazer esforço.

O mágico Steve Cohen, por exemplo, admite que, apesar de no início de sua carreira, ele já ter seus truques de mágica, o público não se importava – porque eles não entendiam como o truque era importante.

Em suas próprias palavras, “eu aprendi a descobrir o que vai ser interessante para as pessoas em todos os momentos. O truque em si nunca é importante, é importante ter um gancho de apresentação”.

Da mesma forma, a verdadeira magia dentro de uma marca pessoal forte é ter o carisma para turbina-la.

Seja você um empreendedor, um médico, um advogado ou um executivo de negócios, a maneira de realmente se destacar do público é projetando sua personalidade de maneira que ela se conecte com aqueles ao seu redor de maneira profunda e memorável.

E, mais uma vez, a boa notícia é que você pode aprender a fazer isso acontecer. De acordo com Joyce Newman, presidente do grupo Newman, todo mundo pode ser carismático.

Nós não nascemos carismáticos, mas nós podemos cultivá-lo de muitas maneiras. Uma maneira é observar e aprender com as pessoas que você acha que são carismáticas.

Você não precisa copiá-los, mas aprender seus segredos, experimentá-los e afiná-los até que você aprenda.

É um processo de tentativa.

De acordo com a colaboradora da Forbes Denise Restauri, existem 5 componentes do carisma pessoal que toda pessoa precisa começar a trabalhar.

#1. Autoconfiança

Se você não acredita em sua própria grandiosidade, por que alguém iria? Isso não significa que você tem que estar em uma viagem de ego perpétua.

E você deve colocar para fora uma atmosfera bastante confiante sobre a sua experiência e sua capacidade de implementar seus conhecimentos e habilidades.

#2. Contar grandes histórias

Histórias são as armas mais poderosas que você pode usar em suas apresentações de marca.

Grandes histórias mantêm o interesse do público – e eles também possuem grandes poderes para persuadir e ensinar o seu público.

#3. Linguagem corporal

Grande parte da razão pela qual as pessoas não se aproximam e chamam você para dançar em uma escola de dança é porque você parece não está acessível: geralmente você está de cabeça baixa e tem medo de olhar para alguém que possa estar interessado.

Por outro lado, você deve estar sempre quente: acessível e direto. Agite as mãos e faça contato visual, fazendo com que a outra pessoa sinta-se como se fosse a pessoa mais importante em sua vida naquele momento.

Não se esqueça que o seu corpo também passa uma mensagem.

Não se esqueça que o seu corpo também passa uma mensagem.

#4. Mude o foco da conversa

Quanto mais você fala sobre si mesmo, você se torna menos atraente ainda para o ouvinte.

Demonstre sempre um interesse sincero no que a outra pessoa tem a dizer –e responda às suas preocupações de forma genuína.

#5. Seja um bom ouvinte

Esse é um companheiro natural do item acima. Porque se você não está ouvindo a outra pessoa, você não pode realmente saber o que passa à sua cabeça.

Às vezes ficamos tão focados em fazer os nossos pontos que achamos que precisamos de falar mais do que nós.

Quando você colocar mais esforço em ouvir, você pode pensar que você não está marcando os pontos que precisa com a outra pessoa, mas na verdade, você está impressionando esta pessoa com sua capacidade de ouvir e simpatizar com suas preocupações.

Lembre-se que, até mesmo Steve Jobs surgiu como um desajeitado e tímido empreendedor nas primeiras apresentações da Apple.

Ele precisou de tempo e muito esforço para recriar a sua personalidade e se tornar um dos CEOs mais carismáticos do nosso tempo.

Portanto, não se coíba de desenvolver o seu próprio carisma – e sua marca pessoal vai crescer como um resultado.

___

Este artigo foi adaptado do original, “Create Your Own Charisma – And Superchage Your Personal Brand” da FastCompany.

Comente este artigo

Populares

Topo