X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Destaques

Piauí exporta castanha de caju com selo de qualidade


Teresina – A Central de Cooperativas de Cajucultores do Piauí (Cocajupi) e a cooperativa Chico Mendes, localizada na cidade de Modena, na Itália, realizaram acordo comercial para exportação de castanha de caju. Serão comercializadas 180 caixas do produto por mais de R$ 100 mil. Recentemente, a Cocajupi conquistou a Certificação Comércio Justo, o que possibilitou a negociação com a instituição italiana.

Os requisitos para ingressar no Comércio Justo (Fairtrade) são responsabilidade social, sustentabilidade e competitividade dos empreendimentos do setor de agronegócio. Entre os benefícios da certificação está o prêmio repassado aos produtores que fazem parte dessa modalidade de comércio.

A empresa certificadora FLO audita as organizações e analisa se os critérios foram cumpridos, para que recebam o certificado de Fairtrade. Essas empresas são acompanhadas por consultores do Sebrae,q ue capacitam, orientam e apoiam os empreendedores.

Esse certificado permite que os agricultores melhorem seu negócio e possam investir também no comércio exterior, tendo novas oportunidades para vender seus produtos, possibilidade de pré-financiamento e preços justos e estáveis.

“Os produtores de caju que fazem parte da Cocajupi não ficaram parados com o problema da estiagem e conseguiram abastecer o mercado nacional e exportar. Já estamos com grandes perspectivas de negócios” afirma a gestora do Projeto de Fruticultura do Sebrae no Piauí, Geórgia Pádua.

Serviço:
Unidade de Marketing e Comunicação do Sebrae no Piauí: (86) 3216-1356
Agência Sebrae de Notícias Piauí: (86) 3216-1325
www.twitter.com/pi_sebrae
www.facebook.com/sebraepiaui

 

Via RSS de RSS Feeds – Agência Sebrae de Notícias

Leia em RSS Feeds – Agência Sebrae de Notícias

Comente este artigo
Comente este artigo

Populares

Topo