X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Destaques

Pequenos negócios aderem a projetos Coletivos Setoriais


Porto Alegre – Com inscrições abertas em dezembro, os Projetos Coletivos Setoriais, desenvolvidos pelo Sebrae no Rio Grande do Sul, já receberam a inscrição de 383 micro e pequenas empresas. Ao todo, são oferecidos 20 projetos distribuídos por todas as regiões do estado: dez no setor do agronegócio; oito em comércio e serviços; e dois na indústria. As interessadas podem participar da seleção da chamada pública até o fevereiro, por meio do site www.sebrae-rs.com.br.

Os projetos voltados à cadeia produtiva agrícola são os mais procurados pelos empreendedores. Com o objetivo de promover o desenvolvimento sustentável das propriedades rurais participantes por meio de intervenção técnica, respeitando os preceitos econômicos, sociais e ambientais, as ações contam com atividades teóricas e práticas. Mais de 600 empresas do segmento já receberam orientações do Sebrae e hoje possuem boas práticas de produção e melhoria na qualidade de seus produtos.

A qualificação também tem sido uma busca frequente de profissionais de outros setores. Só na região metropolitana de Porto Alegre, mais de 50 proprietários de salão de beleza e estética estão decididos a aperfeiçoar seus negócios. Através de capacitação em gestão e inovação, treinamentos, palestras, oficinas e assessoriais, o projeto Qualificar os Profissionais da Beleza pretende aumentar a lucratividade e a carteira de clientes dos pequenos negócios participantes.

De acordo com o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae no estado, Vitor Augusto Koch, a contrapartida financeira da instituição na iniciativa supera R$ 14 milhões, sendo que a execução dos projetos leva, em média, dois anos. “Estamos congregando forças para que as empresas de pequeno porte alcancem resultados positivos de forma mais rápida e eficiente em seus negócios”, afirma. Por setor, os recursos estão divididos em R$ 1,8 milhão para a indústria, R$ 2,7 milhões para o agronegócio e R$ 9,8 milhões para comércio e serviços.

Segundo Koch, os valores serão utilizados para capacitações e consultorias em gestão; promoção de acesso a mercados – participação em feiras, visitas técnicas e rodadas de negócios; incentivo à inovação; cursos e palestras; e orientações para acesso ao crédito.

Serviço:
Assessoria de Comunicação do Sebrae/RS
Telefones: (51) 3216.5165, (51) 3216.5182 ou (51) 9955.8192
Central de Relacionamento ao Cliente do Sebrae: 0800 570 0800
Twitter: @sebraers
Facebook: Sebrae RS (Oficial)

Via RSS de RSS Feeds – Agência Sebrae de Notícias

Leia em RSS Feeds – Agência Sebrae de Notícias

Comente este artigo
Comente este artigo

Populares

Topo