X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Destaques

Caso: Pink Petit Pois

pink petit pois logomarca

Saiba mais como a Pink Petit Pois usou ferramentas Web 2.0 como YouTube, Flickr e Facebook para ter sucesso em seu startup.


Saiba mais como a Pink Petit Pois usou a Web 2.0 para ter sucesso.

Em uma das disciplinas de Marketing Digital e Web 2.0 ministrada no MBA da BSP, tive a oportunidade de ter como aluna a Renata Valladão. Renata é uma jovem dinâmica, antenada no mercado e em novidades, moradora da cidade de São Paulo, e trabalha na área de Marketing de uma grande empresa multinacional que opera por aqui. Além disto, ela tem uma paixão por culinária, e como hobby, iniciou a fazer brigadeiros e brownies para vender aos colegas de trabalho e aos companheiros de classe.

Logomarca da Pink Petit Pois

A Pink Petit Pois usou ferramentas web 2.0 para se tornar um sucesso.

O projeto de conclusão do curso que solicitei para esta turma foi a criação de um plano de negócios e a implementação prática de algumas das ações propostas, que envolvesse grande parte dos conceitos ministrados. Renata me questionou se poderia fazer o trabalho sobre sua operação de doces. Aceitei a sugestão de projeto e confesso ter ficado bastante curioso, pensando como ela iria aplicar os conceitos de marketing digital em uma operação deste porte. Neste momento, nascia oficialmente no mercado a Pink Petit Pois.

A estratégia utilizada pela Renata para dar maior visibilidade da marca Pink Petit Pois e de seus produtos nos vários canais digitais foi:

  • divulgar num blog, textos e algumas fotos de suas criações e encomendas que haviam sido feitas;
  • criar um perfil no Facebook, no qual é disponibilizado um álbum de fotos com os produtos e informações sobre o blog;
  • criar uma conta no Twitter, postando mensagens para os seguidores, falando sobre novidades, direcionando como podem ser obtidas mais informações;
  • inserir no YouTube um vídeo mostrando alguns docinhos sendo feitos e algumas variedades;
  • disponibilizar um álbum no Flickr com fotos de docinhos e embalagens;
  • utilizar QRCode para facilitar o acesso nos canais acima através do uso de dispositivos móveis;
  • participar em eventos de degustação, para fazer contatos, levando um notebok para mostrar o que foi feito acima com as várias tecnologias.

Como resultados práticos, antes mesmo da disciplina ter terminado, a Renata conseguiu aumentar a presença do seu negócio no mundo virtual, com seguidores, amigos, e resolveu disponibilizar um serviço focado em encomendas. E é claro, foi aprovada com uma nota alta e bastante elogiada pelos colegas na apresentação do projeto.

Fui falar novamente com a Renata, alguns meses depois, para saber do seu negócio e o que ela me contou foi impressionante:

  • parou de levar doces no trabalho e na escola, e hoje atende apenas encomendas para recepções, festas, reuniões;
  • desde que lançou o serviço de encomendas e com a divulgação constante, aumentou em 500% o número médio de entregas mês;
  • aumentou seu portfólio de ofertas, e hoje disponibiliza embalagens sofisticas que estão sendo utilizadas como presentes.

Um ponto de atenção: nem tente acessar o site da Pink Petit Pois, pois ele não existe e nem deve ser criado tão cedo. Para que investir recursos escassos em um site, se é possível localizá-la via Google nos outros canais digitais onde está presente?

Eu nunca tinha ouvido falar da Pink Petit Pois. Agora sou fã da empresa e como a Renata está conseguindo expandir seu negócio, com custos baixos de divulgação e ações de fidelização de clientes.

Quem disse que marketing digital e redes sociais não podem ser utilizados por pequenas empresas para a promoção de seus negócios?

Blog: pinkpetitpois.blogspot.com

Twitter: @PinkPetitPois (www.twitter.com)

Facebook: Pink Petit Pois (www.facebook.com)

Flickr: Pink Petit Pois (www.flickr.com)

Youtube: Pink Petit Pois (http://www.youtube.com/watch?v=A3T5vkJdti8)

E-mail: [email protected]

Comente este artigo

Populares

Topo