X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Novidades pela net

5 dicas para escolher a carreira ideal para você


Uma coisa que me impressiona toda vez que chega 2a-feira é a quantidade de pessoas que falam mal da pobre coitada. Tudo bem que o final de semana é divertido, mas se voltar ao trabalho é sempre tão triste como parece, provavelmente tem algo muito errado na sua escolha de carreira.

Eu já tinha falado um pouco sobre o tema no artigo 3 passos para alcançar a felicidade no trabalho, mas a ideia de agora é passar algo bem mais específico, listando vantagens e desvantagens de cada escolha.

Porém, antes de começar, gostaria de dar alguns avisos:

  1. Tenho consideravelmente pouco tempo de experiência profissional, então nada está escrito em pedra, é apenas um relato do que já passei até hoje
  2. Sou empreendedor e amo o que faço. Se eu parecer tendencioso para essa área, é por um bom motivo!
  3. Não me proponho a dar nenhuma dica secreta para o sucesso, isso não existe. Apenas dar uma direcionada em alguns pontos importantes de serem avaliados
  4. Esse artigo pode ser um tapa na cara dos acomodados. Se você é daqueles que se diverte reclamando do trabalho, melhor parar a leitura por aqui

Agora, vamos ao que interessa!

Diversas opções

Não importa como, o importante é chegar lá

1. O mundo é muito maior do que você imagina
A não ser que você seja bombeiro, astronauta ou jogador de futebol, dificilmente você está exatamente na profissão que queria seguir quando era criança.

Na época da faculdade de engenharia, haviam basicamente 4 opções na minha cabeça: trabalhar como engenheiro na indústria, ser analista de uma consultoria estratégica ou banco de investimentos, prestar concursos e empreender.

Apesar de ter escolhido uma dessas áreas, eu não tinha a mínima ideia de que minhas atividades diárias incluiriam escrever, montar campanhas publicitárias, dar palestras, gerenciar métricas de sites, fazer modelagem de software, etc.

Além das tarefas em si, que você acaba aprendendo com o tempo, existem infinitos setores que você pode trabalhar. Só no Empreendemia temos mais de 28 mil empresas cadastradas, que fazem inúmeras atividades diferentes, o que é muito mais do que nossa cabeça consegue absorver.

Para conhecer outras opções, vale a pena conferir um site de empregos.

A moral da história é: se você ainda não encontrou uma carreira que te satisfaça, pode continuar procurando que uma hora você vai achar.

2. Você é o único responsável pelas suas escolhas de longo prazo
No curto prazo, entendo coisas como “Estou com prestações para pagar”, “Não tenho as qualificações necessárias para o que quero fazer”, “Preciso juntar um dinheiro para ajudar minha família”, etc. Logicamente cada um conhece bem a sua situação e consegue tomar decisões a partir disso.

Porém, a maravilha do planejamento é justamente que, dado certo tempo, você consegue alcançar praticamente qualquer objetivo.

Ou seja, não importa qual seja a sua situação atual, se você não faz o que gosta, monte um plano específico de onde quer chegar e como fará para chegar lá, definindo passos intermediários que demostrarão seu progresso.

Confira mais no artigo 4 dicas para meros mortais enfrentarem grandes desafios.

3. Todo dia pode ser o primeiro dia
Um dos motivos mais comuns para ficar preso a algo que não gosta é a ideia de que já é tarde para seguir outro caminho.

Logicamente, começar cedo ajuda. Porém, exceto em casos que exijam vigor físico como esportes, muito provavelmente não há uma idade limite para começar.

É óbvio que quanto mais tempo você tem em uma área, mais difícil ficar fazer alguma grande mudança. Mas aí o grande ponto é, o quanto você realmente está satisfeito com a situação atual? Se a resposta não for muito positiva, é hora de voltar ao ponto 2 e montar um planejamento para mudar essa situação.

Lembre-se que é impossível mudar o passado, mas o seu futuro é construído todo dia quando você acorda.

Se você quer fazer alguma grande mudança mas tem certo receio, recomendo muito o livro “A Guinada – Maneiras simples de operar grandes transformações”, dos irmão Chip e Dan Heath.

4. Se você não especifica o que quer, dificilmente conseguirá algo relevante
Um dos maiores fatores que afasta as pessoas de seus objetivos é uma ideia muito genérica sobre o que é esse objetivo. É a mesma coisa que chegar em um restaurante e pedir “comida”. A não ser que seu objetivo seja provar algo diferente, aceitando o que vier (objetivo específico), dificilmente você sairá satisfeito com o que te servirem.

Se você quer alcançar algo relevante, é fundamental ter uma noção muito clara de qual será o critério de sucesso para te mostrar que você chegou lá. Além disso, o objetivo tem que ser alcançável, senão você fica correndo atrás de um fantasma e está sempre insatisfeito por não ter chegado lá.

No caso de escolhas profissionais, normalmente é necessário avaliar as variáveis: dinheiro, gostar do que faz, autonomia e tempo disponível para família. Montar um plano específico de como você imagina seu dia-a-dia ideal é o primeiro passo para uma carreira que te deixe feliz.

5. O quanto você está disposto a lutar pelos seus objetivos?
No mundo do empreendedorismo, é muito comum o pensamento “Sonhar pequeno e sonhar grande dá o mesmo trabalho”, que é algo bastante interessante. A grande questão é que acordar do sonho e trabalhar para alcançar objetivos grandes e alcançar objetivos é algo completamente diferente.

Se você sonha grande e possui uma grande ambição, pode ter certeza que o caminho não será fácil e você terá vontade de desistir no meio. Perseverança para seguir em frente é o que te separará das pessoas que ficam no caminho.

Para se aprofundar no tema, confira o artigo Como ser o melhor do mundo na sua área.

Conclusão: Não há um caminho certo, apenas o que é certo para você
Como fiz questão de mencionar no começo do artigo, meu papel não é dar nenhum tipo de segredo, apenas organizar alguns pensamentos baseados na minha experiência.

Na prática, dicas podem te ajudar, mas você é a única pessoa responsável pelo caminho que for seguir. Por mais que ler artigos como esse seja algo interessante, aqui vale muito a frase dita Morpheus em Matrix:

Existe uma grande diferença entre conhecer o caminho e percorrer o caminho

Abraços,
Millor Machado (te desejando muita sorte na sua escolha, qualquer que seja ela)

aaebeb SaiaDoLugar i BcYxYJU cqjEZvXg DDqBpKExk

af BcYxYJU

Via RSS de Saia do Lugar

Leia em Saia do Lugar

Comente este artigo
Comente este artigo

Populares

Topo