X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Novidades pela net

O hoverboard é real, e eu flutuei nele


Estou cansado de ser enganado. Cansado de empresas que exploram os meus sonhos de infância de andar em um hoverboard como no filme De Volta para o Futuro II. No início do ano, por exemplo, surgiu um vídeo promovido pelo próprio Doc Brown mostrando um hoverboard voando – só que era fake. Depois disso, eu estava pronto para abandonar completamente esse sonho. Mas esta semana, ele finalmente se tornou realidade.

Eu pisei em um pedaço de madeira compensada equipado com 35 kg de baterias e eletroímãs… e deslizei sem esforço pelo chão. Senhoras e senhores, o hoverboard é real.

>>> Engenheiros criaram um hoverboard que funciona de verdade

Não me interpretem mal: isto ainda é um golpe de marketing. A Arx Pax, empresa startup que criou o hoverboard, está mais interessada em vender tecnologias para proteger edifícios de terremotos e inundações, não em realizar nossa nostalgia coletiva de um filme que estreou há 25 anos.

Tudo isso estava bem longe na minha mente, no entanto, porque eu estava flutuando no ar em um hoverboard de verdade.

Real, mas com desvantagens

Sim, ele é absurdamente pesado. São cerca de 40 kg! Isso é tão pesado que os engenheiros me disseram que precisam de pelo menos duas pessoas para levantá-lo, senão quebrariam as normas de segurança da OSHA (agência americana criada para evitar acidentes de trabalho).

Sim, as baterias acabam depois de alguns minutos: no estágio atual, ele requer 40W por kg. E sim, ele só flutua em superfícies não ferrosas e altamente condutoras, como o cobre ou alumínio, pois se levanta do chão ao eletromagnetizar rapidamente as superfícies debaixo dele. Você não poderá usá-lo na calçada, nem em qualquer lugar fora dos locais de teste.

Mas quando eu pisei em cima do hoverboard e o senti aguentar sem esforço os meus 90 kg – sem mesmo tentar escapar dos meus pés, vale notar – eu fiquei muito contente.

eb gxXntKEuTo

Via RSS de Gizmodo Brasil

Leia em Gizmodo Brasil

Comente este artigo
Comente este artigo

Populares

Topo