X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Novidades pela net

Oficina de Coisas Banais que Você Deveria Ter Aprendido na Infância


Uma das coisas mais sensacionais da internet é que ela permite que ideias simples e fantásticas tomem forma, fôlego e realmente venham a acontecer.

Esse é o caso da “Oficina de Coisas Banais Que Você Deveria Ter Aprendido na Infância, Mas Não Aprendeu”, que promete uma tarde inteira de reparos históricos na sua infância.

É ideal para quem não sabe ainda andar de bicicleta, ou nunca aprendeu a virar estrelinha, ou outras habilidades importantíssimas que desenvolvemos normalmente na infância, como aprender a assoviar com o dedo, fazer bola de chiclete, plantar bananeira, peidar com o suvaco (!), rebolar no bambolê ou até mesmo pular corda.

A organização do evento garante que variações diversas do pulo de corda estarão incluídas na programação – além do pulo solo, haverá também aulas sobre pulo coletivo, entrar no portal da morte, com um pé só, botando a mão no chão, dando uma giradinha e até indo para o olho da rua – além de outras oficinas completamente banais, mas que podem divertir o seu dia 12 de outubro.

Tudo isso deve acontecer no Parque Ibirapuera, em São Paulo, e a audiência promete ser grande – até o momento, quase 5 mil pessoas confirmaram presença no evento.

Vale destacar que a iniciativa é independente, e portanto cada participante precisa levar ou emprestar seus equipamentos, como a bicicleta, o bambolê ou chicletes. A programação das oficinas banais tem início à 1 da tarde do dia 12 de outubro. Ideal para adultos que querem celebrar sua criança interior, ou para pais que não tenham desenvolvido essas habilidades banais, mas queiram ensiná-las aos seus filhos.

Fica também a dica para marcas oferecerem alguns equipamentos banais básicos – bambolês, cordas e colchonetes podem ser bastante úteis para as atividades.

ad b feedPost originalmente publicado no Brainstorm #9
Twitter | Facebook | Contato | Anuncie

ad brainstorm d qjIDKrITs

ad nECANnlDpw

Via RSS de Brainstorm #9

Leia em Brainstorm #9

Comente este artigo
Comente este artigo

Populares

Topo