X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Novidades pela net

Todo talento dá dinheiro?


Recentemente recebi uma pergunta de uma das alunas do nosso curso online me questionando sobre a possibilidade ou não de se ganhar dinheiro com o seu talento. Não entrando no mérito de qual seja o seu talento ou de como ela irá transformar suas habilidades naturais em negócio, gostaria de apresentar a você minha resposta a pergunta com base em tudo o que já aprendi no meu trabalho como coach de talentos e orientador de carreira para empreendedores.

Talento, todo mundo tem?

Sim. Todo mundo tem talento. Eu, você, a professora, o bombeiro, o deputado, o presidente, a executiva, o recepcionista, etc. Enfim, todos temos talento. Porém, o que ocorre é que a maioria de nós fomos educados a adquirir competências que não estão alinhadas com os nossos talentos para virarmos consumidores quando adultos. Fomos domesticados a não enxergarmos o que tínhamos de melhor para nos adaptar ao que o mundo entendia como o melhor para nós. Por isso, apesar de todos termos talento, acabamos por pensar que somente aqueles que trabalham naquilo que são talentosos os possem. Puro engano. Pura domesticação humana.

O que é talento afinal?

Talento é toda habilidade natural que possuímos e que, sem esforço, transformamos em atividade. São aquelas coisas que fazemos e que nos trazem alegria imediata. Aquele trabalho sem esforço. Aquele hobby ou aquela atividade bacana a qual nos dedicamos sem ver a hora passar. Talento é diferente de competência. Enquanto talento é algo que vem de dentro de nós, competência é algo que vem de fora. Tendo talento de comunicador, preciso me inscrever em cursos para desenvolver a escrita e oratória de modo a adquirir competências nesta área onde já possuo talento. Isso será muito mais fácil do que adquirir competências ou experiência profissional em uma área que não possuo talento, deixando visível a diferença entre eu e aquele profissional que é apaixonado pela área em que trabalha e ainda tem talento.

Para quê serve o talento?

Se talento é algo natural que possuímos e todas as pessoas do mundo possuem, então posso concluir que a única serventia do propósito é servir as outras pessoas. Afirmo isto, pois como somos uma comunidade de seres humanos com talentos e competências complementares nosso principal trabalho é nos colocar a serviço dessa comunidade através da expansão e desenvolvimento dos nossos talentos. Um escritor que não escreve não serve ao mundo da melhor forma. Um pedreiro que não constrói casas não serve ao mundo da melhor forma. Uma mãe que não tem tempo para ser mãe não serve ao mundo da melhor forma. Talento, enfim, está ligado intrinsecamente com a nossa missão de vida e o serviço que devemos realizar para a comunidade de seres humanos que nos cercam. Se isto não acontece, não estamos desempenhando bem o nosso papel e deixamos nosso talento enterrado, escondido e sem uso.

Por que todo talento dá dinheiro?

Porque seja qual for o seu talento ele existe para servir as outras pessoas. Se você serve as outras pessoas, você pode pedir dinheiro para elas por aquilo que está lhes entregando. Simples assim. O problema é que fomos tão domesticados a não enxergarmos o nosso próprio valor que admitimos (infelizmente) que aquilo que mais gostamos de fazer não é o suficiente para nos sustentar. Afinal, atrelada a esta cultura, ainda adicionamos a pressão que as propagandas de marketing fizeram na nossa vida nos levando a consumir mais do que aquilo que precisaríamos consumir, aumentando por consequência nossas despesas fixas e elevando o bastão do salto da mediocridade para o execício pleno dos nossos talentos.

Gravei um vídeo especial para o post de hoje dando mais detalhes sobre o que falei acima e se você quiser conhecer o hotsite do nosso curso e assistir a uma aula especial sobre talentos e propósito acesso: negociodozero.com.br.

cafc insistimento d WdqtTZIU

cafc vqvVjQDDdU

Via RSS de Insistimento

Leia em Insistimento

Comente este artigo

Populares

Topo