X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Destaques

4 dicas: como usar as mídias sociais para vender

É preciso se engajar com o seguidor para que ele se torne um cliente

É possível vender pelas mídias sociais. O Jornal do Empreendedor traz 4 dicas para tornar das redes sociais uma ferramenta de negócios.


Você pode vender usando as mídias sociais, mas apenas se seguir estes princípios-chave.

É preciso se engajar com o seguidor para que ele se torne um cliente

É preciso se engajar com o seguidor para que ele se torne um cliente

No livro “Successful Social Media“, Matt Heinz ajuda a transformar as mídias sociais em uma ferramenta de negócios através de estratégias reais. Ele nos ajudou a resumir seus princípios em 4 dicas simples:

1. Ter mais “seguidores” não garante nada

Aqui está implicado uma ligação entre “seguidores” ou “likes-curtir” e a atividade real de venda. No entanto, esta ligação na verdade não quer dizer muita coisa. Muitas pessoas estão falando sobre si mesmas e apenas querem que alguém as ouça. Cupons, ofertas especiais e postagem de eventos podem ter uma resposta forte de muitas pessoas, uma grande reação, mas a maioria não é de clientes potenciais, caso seu interesse seja alcançar o sucesso nas vendas sociais.

2. Conexão não é engajamento

As vendas pelas redes sociais têm a ver com engajamento, que vem da interação efetiva. Postar o material de qualquer jeito e simplesmente esperar por sua resposta não é engajamento. O que eles estão postando e o que você tem respondido? Aprenda com estas interações. Você não pode vender se está apenas empurrando mensagens sem objetivo.

3. Compradores declaram os problemas

Fique atento aos sinais dos compradores na web. Procure palavras-chave para os problemas que você pode resolver. Crie um sinalizador para quando estas palavras forem citadas. Palavras relacionadas ao seu ramo de trabalho. As mensagens relatando problemas surgirão. Resolva-os da maneira mais ágil possível.

4. Você não está no controle

Muitos vendedores acreditam que este é o caminho que faz o processo funcionar: conseguir muitos seguidores e então provocá-los para que desejem aquilo que se vende. A verdade é que as coisas raramente acontecem desta forma. A razão é simples: se você tuíta, posta um texto em um blog ou no Facebook com uma solução, ideia ou produto que uma pessoa não tenha, elas não vão necessariamente se conectar com você. Mas, se você vê alguém falando sobre um problema que você pode resolver (inclusive oferecendo um produto), com a oportunidade de dar uma resposta relevante, aí sim você tem um engajamento.

Com um comportamento específico no mercado, é possível utilizar qualquer ferramenta para sua atuação profissional.

Adaptado de texto de Tom Searcy, originalmente publicado na Inc.com.

Gostou? Assine o Jornal do Empreendedor e receba novidades direto no seu email:

Todos os dias, você recebe no seu email um apanhado geral das notícias do Jornal do Empreendedor. Fique sempre atualizado com o que há de mais recente no mundo do Empreendedorismo no Mundo. Assine grátis agora.

Comente este artigo

Populares

Topo