X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Destaques

Territórios da Cidadania realiza ações no Sul gaúcho


Porto Alegre – Produtores rurais e de doces, cabeleireiros e artesãos de 25 municípios da região Sul gaúcha estão melhorando a gestão de suas empresas com a ajuda do Sebrae no Rio Grande do Sul. As atividades integram as ações do Programa Territórios da Cidadania, cuja missão é contribuir para o desenvolvimento e redução das desigualdades socioeconômicas em ambientes menos desenvolvidos. De abril a junho, foram realizados mais de 700 atendimentos na região – a meta é chegar a 6.225 nos três anos do projeto.

No município de Capão do Leão, 15 cabeleireiros têm acesso a capacitações oferecidas pelo Sebrae no estado, por meio do Territórios da Cidadania. As atividades do grupo começaram neste mês, com assessoria sobre Empreendedor Individual (EI), e terão continuidade até setembro. No próximo encontro, marcado para esta quarta-feira (27), os profissionais participarão da oficina de Fluxo de Caixa.

Produtores de doces de melancia de Pedro Osório serão capacitados com o curso de Boas Práticas de Fabricação e Gestão, com início previsto para julho. A iniciativa, resultado de parceria entre o Sebrae no Rio Grande do Sul, prefeitura municipal e o Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), abordará temas como: definição de tabela nutricional, design de embalagens e marcas e formação de preços. Também no município, o grupo de artesãos Locomotiva da Lã integrará o programa Redes Associativas para Formalização de uma Associação.

Ainda no mês de julho, os EI de Arroio Grande terão a oportunidade de participar das Oficinas SEI Comprar, SEI Vender e SEI Controlar Meu Dinheiro. As inscrições são gratuitas. Atualmente, existem 209 EI formalizados na cidade.

Além dessas ações, os municípios que fazem parte do Territórios da Cidadania estão promovendo iniciativas com foco na implementação da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa. “Realizamos um diagnóstico nas cidades que já têm a Lei Geral regulamentada para verificar como anda a implementação da legislação. Depois, vamos divulgar a pontuação em cada uma delas “, explica a gestora do programa na região Sul do estado, Jussara Cruz Argoud.

Criado em 2008 pelo governo federal, o programa Territórios da Cidadania busca fortalecer atividades produtivas em locais menos desenvolvidos e estimular a criação de um ambiente de negócios favorável ao crescimento. “O Sebrae, no seu papel de agente de desenvolvimento, criou um programa estratégico e, por meio dos pequenos negócios, torna mais forte a economia”, explica o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae no estado, Vitor Augusto Koch.

Critérios

Os municípios que compõem o Territórios da Cidadania foram escolhidos pelo governo federal e atendem a critérios específicos, como menor Índice de Desenvolvimento Humano Territorial (IDH), baixo dinamismo econômico e maior concentração de agricultores familiares, assentados, população quilombola e indígena. Participam da iniciativa cidades com até 50 mil habitantes. No Rio Grande do Sul, duas regiões integram o programa: Sul e Noroeste.

Serviço:
Assessoria de Comunicação do Sebrae no Rio Grande do Sul
Telefones: (51) 3216.5165, (51) 3216.5182 ou (51) 9955.8192
Central de Relacionamento ao Cliente do Sebrae/RS: 0800 570 0800
Twitter: @sebraers
Facebook: Sebrae RS (Oficial)

Via RSS de RSS Feeds – Agência Sebrae de Notícias

Leia em RSS Feeds – Agência Sebrae de Notícias

Comente este artigo
Comente este artigo

Populares

Topo