X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Na Web

Exclusão feminina


Via RSS de ResultsON

Há algum tempo atrás, a gente falou aqui sobre o crescimento do número de empreendedoras no Brasil e do potencial da liderança feminina no mundo dos negócios. Mesmo assim, será que ainda existe um certo preconceito quando elas decidem correr atrás de um investidor para alavancar uma nova empresa? Pois é, parece que sim. Pelo menos, é o que indica esse novo estudo publicado pelo Small Biz Trends, realizado pelos pesquisadores Lyda Bigelow e Robert Wuebker, da Universidade de Utah.dcc girl

Para chegar a tal conclusão, foi criado um teste com alguns estudantes de MBA, que apontou uma possível exclusão feminina. Funcionou dessa maneira: uma empresa de tecnologia fictícia estaria à procura de capital de risco. Foram fornecidas aos estudantes investidores todas as informações sobre o modelo de negócio, incluindo projeções financeiras e outros dados da “empresa”. Todos os documentos eram idênticos, exceto pelo fato de quem um plano de negócio ter mulheres no time entre os fundadores.

A partir disso, os investidores foram consultados sobre o potencial da empresa, da equipe e quanto pagariam aos CEOs. Tanto os salários das mulheres como outras habilidades avalidas foram significativamente interior à equipe masculina. As razões alegadas é que os homens têm mais capacidade de liderança e mais desenvoltura para lidar com crises.

O ponto é que por mais que isso tenha sido um teste e tenha ocorrido entre estudantes, muitos investidores ainda podem estar considerando o gênero da pessoa por trás de uma empresa, e não, de fato, a competência e o potencial de um projeto.

 

Leia em ResultsON

Comente este artigo

Populares

Topo