X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Novidades pela net

O GIF ESTÁ MORRENDO?


Ontem a gente publicou (aqui) que o Oxford American elegou a palavra GIF como a mais importante de 2012, já que ele “evoluiu de 1 meio de divulgaçao de memes para se tornar uma ferramenta para ramos como a pesquisa e o jornalismo”, disse a diretora do dicionário.

E de fato, desde o ano passado, a popularidade dos GIFs tem crescido assustadoramente na internet (leia aqui algumas explicações para o motivo disso), o poder de síntese tornou essas imagens animadas a mídia perfeita pros nossos tempos info-obesos.

Daí que hoje nos deparamos com o gráfico abaixo (tirado dessa matéria aqui) que mostra que, na verdade, o uso do GIF como mídia vem caindo ano após ano na internet.

abbdcafb grafico uso gifs

 

Pra chegar nesse gráfico, o autor compilou dados da HTTP Archive que mostram que o GIFs é o formato de apenas 29% das imagens que circulam na web. Seguindo nessa queda, é possível que eles entrem em extinção até o fim da década, de acordo com a matéria.

SAVE THE GIF!

Como formato de imagem pra web, o GIF realmente não é o melhor. Mas não tem nenhuma outro tipo de mídia que permita que momentos sejam imortalizados animadamente na internet de uma maneira fácil (tirando FLASH e outras coisas complexas).

Pode até ser que o uso do GIF globalmente como mídia esteja caindo, mas é fato que sua relevância só aumenta. Os gifs servem pra praticamente tudo: pra eternizar pessoas expressivas, como atalhos pra alguma emoção, pra resumir em poucos frames um evento importante da humanidade, tipo, sei lá, o salto de paraquedas da estratosfera, as olimpíadas ou o debate presidencial americano, pra que a gente não precise assistir um vídeo inteiro pra chegar no ponto que interessa, pra definir uma década inteira, pra responder uma entrevista, pra fazer a gente dar risada… enfim, existem diversos usos e motivos pra amar gifs.

Enquanto o youPIX existir, não deixaremos que o GIF morra.

Vida longa ao GIF! o/

ccf tumblr mhyrFHrwccbo

 

 

 

Via RSS de ResultsON

Leia em ResultsON

Comente este artigo
Comente este artigo

Populares

Topo