X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Colaborativo

Como criar uma empresa que os seus clientes irão amar em apenas 5 passos


A vida é simples. Nós é que criamos complicações para ela. Inventamos moda e nos complicamos. Por isso neste artigo, eu quis colocar de maneira bem simples no “papel” como você pode criar uma empresa passo-a-passo abordando todos os aspectos que eu utilizo para manter o meu negócio e de meus clientes funcionando.

Mãos à obra. Conheça os 5 passos simples e definitivos para você criar um negócio que seus clientes irão amar.

Escolha o seu público

É muito comum ver empreendedores fazendo buscas na internet a respeito dos melhores nichos de negócio para se ganhar dinheiro, esquecendo-se que somente quem é realmente apaixonado por um assunto pode se tornar referência nele.

Quando escolhi o meu público alvo (empreendedores) fiz porque desde os 14 anos, este sempre foi o assunto que mais gostei de estudar e debater. Era comum me ver na escola comentando assuntos referentes a esta área do conhecimento com professores e colegas de turma. Em casa, acontecia o mesmo. Cheguei a ter um pequeno laboratório na casa de um amigo meu para fazer experiências químicas e desenvolver protótipos de produtos.

Desde sempre, nunca tive muita inclinação para conversar sobre futebol, roupas, filmes, novelas, música, etc. Aliás, eu sempre conservei admiração por aquelas pessoas que sabiam os nomes dos jogadores de determinado time, entendiam sobre diretores de filmes e melhores atores ou que sabiam tanto de música que eram capazes de conversar horas sobre isso.

Costumo dizer que não é você que escolhe o seu público-alvo. É ele que te escolhe.

Na hora de criar uma empresa é muito importante que você defina na sua mente quem são exatamente as pessoas com quem você quer falar. Defina o perfil de idade, formação escolar, o que fazem para se divertir, entre outras coisas. Não adianta dar uma palestra sobre física quântica para uma turma do jardim de infância, da mesma forma que não adianta falar sobre tecnologia para quem é avesso a ela.

Faça das suas opiniões um conteúdo poderoso

Como você escolheu um nicho que gosta e tem prazer de trabalhar, provavelmente guarda um monte de informação e opinião sobre esse nicho que pode compartilhar com outras pessoas. Seja em texto, áudio ou vídeo, você pode começar a compartilhar a sua opinião e acabar se tornando referência no seu mercado.

Eu não conhecia esta estratégia quando comecei a escrever para o meu blog. Ele servia mais como uma terapia para mim do que fazia parte do meu plano de negócios. Entretanto, algo extraordinário foi acontecendo desde que continuamente escrevia novos artigos. As pessoas gostavam do que eu escrevia e se simpatizavam com as histórias reais que eu contava sobre empreendedorismo, pedido mais conteúdo sobre o assunto. Já me disseram que navegar pelos meus posts é como assistir a um Big Brother de empreendedorismo!

Não importa se já existem milhares de sites e blogs falando sobre o assunto que você deseja falar. Certamente você conhece bastante coisa que as outras pessoas não conhecem porque você tem uma visão de mundo diferente delas. Se você gostar de empreendedorismo e escrever um texto com o mesmo título deste post, por exemplo, seu texto com certeza sairá diferente deste aqui justamente porque você tem opiniões diferentes das minhas e possui uma outra maneira de enxergar o mundo.

Produza um conteúdo poderoso para seus clientes em potencial e eles lhe agradecerão. A máxima do dar para receber é uma realidade na nova economia. Esteja certo disso.

Colete e-mails

Infelizmente no mundo real não é possível pedir o e-mail ou os dados de todas as pessoas que passam em frente a sua loja para “dar uma olhadinha” nos nossos produtos. Por outro lado, na internet, é facilmente possível pedir o e-mail das pessoas que estão lendo um artigo seu para que elas sejam informadas de novas atualizações.

Os fãs que curtem a página da sua empresa no Facebook não são seus, assim como seus seguidores no Twitter ou seus leitores de RSS (se é que ainda existem leitores de RSS). De uma hora para outra o Facebook ou Twitter podem acabar e você perder o meio de comunicação que possui com seus clientes. Já pensou nisso? Você só é dono do seu e-mail.

O e-mail é a única ferramenta que consegue converter potenciais clientes em compradores, pois ele cria uma fidelização com eles de uma forma bem mais confortável e até mais ativa que a própria abordagem de um vendedor em uma loja do mundo real.

Na hora de se comunicar com seus clientes, fique alerta para não exagerar no envio dos e-mails. Monte uma agenda de comunicação com eles (terças e sábados são ótimos para isso) e pronto. Deixe seus clientes confortáveis para saber que você não está tentando vender sua empresa de qualquer jeito e está mais interessado em lhes entregar conteúdo de qualidade.

Identifique um problema grande

Depois de estabelecido o relacionamento, é chegada a hora de identificar o problema que a sua empresa resolverá. O processo é simples. Basta perguntar para os seus clientes (por e-mail mesmo) qual é o grande problema que eles enfrentam hoje para atingir uma determinada meta comum ao público com o qual está trabalhando.

Se o seu público é de concurseiros (pessoas que estudam para passar em concursos públicos) provavelmente a principal meta deste público é passar em um concurso. Óbvio! Você até poderia criar alguma solução para ajudar-lhes nesta tarefa, mas o maior benefício que você pode oferecer para os seus clientes é criar uma solução para auxiliá-los a transpor uma grande barreira que os impede de atingir suas metas.

Seus clientes em potencial poderão falar que possuem problemas de produtividade, conflito de horários ou mesmo de decisão sobre qual concurso é o melhor para se inscrever. É com base nestes problemas que você vai criar uma solução que seus clientes realmente precisam e eles vão amá-lo por isso!

Faça seu público participar do processo de criação da solução

Uma técnica bem interessante das metodologias ágeis de desenvolvimento de software é chamar o cliente para contribuir com o processo de criação de um sistema. Nesta técnica, a equipe de desenvolvimento recebe as requisições do cliente e cria um sistema baseado nestas requisições. Cliente e equipe de desenvolvimento interagem continuamente para chegar ao mínimo produto viável no menor tempo possível.

Você pode utilizar a mesma técnica para criar a solução que oferecerá para os seus clientes, mas como trazê-los para dentro do seu time de criação e fazê-los lhe ajudar a criar a sua própria empresa?

Simples. Oferecendo-lhe um super desconto para adquirir a sua solução durante o processo de desenvolvimento.

Se estiver desenvolvendo um e-book, um curso, um software ou mesmo um produto físico, você tem como mensurar quanto este produto irá cusar quando for colocado no mercado definitivamente. Oferecendo um desconto de 70, 80 ou 90 por cento para o seu cliente comprar o seu produto antes, você já começará a trabalhar no seu projeto sabendo que realmente há uma demanda de clientes pagantes pela sua solução no mercado e certamente desenvolverá uma solução muito melhor do que aquela “brilhante ideia” que estava na sua cabeça.

Tome cuidado apenas com os seus prazos. Uma vez comprometido com os clientes, estabeleça um contato muito próximo com eles para que eles se sintam realmente parte do time da sua empresa. Mantenha-se atento aos  prazos, entregando sempre valor para seus clientes que eles não reclamarão. Principalmente se forem recebendo atualizações da sua solução sem pagar mais nada por ela.

Foi desta forma que eu criei o curso Negócio do Zero voltado para empreendedores que estão em busca de uma metodologia de criação de negócios e de apoio. Investigando os problemas dos leitores do meu blog (a maioria empreendedores) pude identificar suas dores e entregar um curso que lhes possibilita criar um negócio com poucos recursos de dinheiro e de tempo totalmente do zero com minha metodologia e meu apoio como mentor.

Saiba mais informações sobre este curso neste link e ainda receba gratuitamente uma cópia do e-book A Pirâmide da Felicidade que fala sobre que ensina como equilibrar as dimensões do amor, talento e dinheiro na construção da felicidade.

Comente este artigo

Populares

Topo