X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Vida Saudável

4 dicas para seu corpo não ser prejudicado pelo horário de verão

dicasparaseucorponãoserprejudicadopelohoráriodeverão

Você é daquelas pessoas que odeiam o horário de verão? Aqui vão algumas dicas para tornar o seu dia melhor


Você é daquelas pessoas que odeiam o horário de verão? Aqui vão algumas dicas para tornar o seu dia melhor

Há 2 semanas atrás o horário de verão começou em algumas regiões do Brasil, e adiantamos nosso relógio por 1 hora.

Enquanto muitas pessoas estão acostumadas com isso e até preferem o horário de verão, outras desaprovam a mudança e se queixam de ter que acordar e ir trabalhar antes do amanhecer.

Essas queixão não são injustificáveis de tudo. A interrupção de luz prejudica nosso relógio biológico que, por sua vez altera nosso sono e estado de vigília, ritmo de trabalho e circadiano.

A raiz do círculo circadiano é a melatonina, um hormônio que ajuda a regular nossos ciclos.

Com o início da mudança de tempo na queda, a produção de melatonina começa no início do dia, essencialmente colocando nosso organismo fora de sintonia.

Esse evento pode levar à desordem afetiva sazonal, que atinge, em média 5% da população com casos de depressão e fadiga. Mesmo que você não apresente os sintomas da desordem, você pode experimentar sentimentos de cansaço, apatia e tristeza.

Aqui estão 4 dicas para manter seu corpo regulado durante o horário de verão.

Você é daqueles que odeiam o horário de verão?

Você é daqueles que odeiam o horário de verão?

#1. Coma alimentos com melatonina

Em vez de suplementos, escolha alimentos que, naturalmente contém altos níveis de melatonina. Suco concentrado de cereja é um dos alimentos no topo dessa lista, seguido por nozes e sementes de mostarda.

Incorporar esses alimentos à sua dieta durante o horário de verão pode ajudar a restaurar o seu ritmo.

#2. Durma bem

Alguns estudos comparam a falta permanente de sono e os distúrbios do sono com o fato do cérebro pensar que o corpo está em um estado de embriaguez perpétua.

Durante o início da mudança de horário, vá para a cama mais cedo e acorde 15 minutos mais cedo do que o normal para ajudar o seu corpo a voltar ao ritmo.

Durma bem e faça exercícios. Isso vai ajudar.

Durma bem e faça exercícios. Isso vai ajudar.

#3. Tome luz

Em um esforço para se expor mais à luz, muitas pessoas se voltam para as luzes artificiais. Embora alguns profissionais afirmem que as mesas de luz são tipicamente seguras, elas podem provocar efeitos colaterais como dores de cabeça, náuseas e reações na pele para pessoas com sensibilidade ao sol.

Em vez disso, tome o máximo de luz solar natural possível. Abra as cortinas e persianas que, naturalmente ficam fechadas, ou abri-las antes do horário habitual é um conselho muito importante.

Obviamente, se você tiver alguns minutos, pratique caminhada e ande um pouco para melhorar a incidência de luz em seu corpo.

#4. Exercite-se

A prática de exercício pode ajudar as pessoas a se adaptarem à mudança do tempo. No entanto, isso não necessário gastar horas suando a sua camisa. Uma caminhada ou corrida curta será o suficiente.

O biólogo David Glass do Kent State University afirma que essa atividade estimula a liberação de serotonina no nosso cérebro que nos ajudam a ajustar com a mudança de horário.

___

Este artigo foi adaptado do original, “4 Natural Tips to keep your body on track during Daylight Savings Time”, do Blogs NaturalNews.

Comente este artigo

Populares

Topo