X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Marketing de Conteúdo

Lições de conteúdo com os verdadeiros profissionais

Lições de conteúdo com os verdadeiros profissionais

Como você segmenta e escolhe os canais em que vai postar seu conteúdo. Saiba a grande diferença que isso faz


Como você segmenta e escolhe os canais em que vai postar seu conteúdo. Saiba a grande diferença que isso faz

O que Dwight Yoakam pode nos ensinar sobre marketing de conteúdo?

O que Dwight Yoakam pode nos ensinar sobre marketing de conteúdo?

Dwight Yoakam fez um show no Forecastle Festival, que acontece anualmente em Louisville no último sábado. Uma sutileza que foi possíviel observar no desempenho de Yoakum desta vez que foi diferente dos seus shows anteriores foi a escolha do material.

Yoakam e banda tocaram uma ampla variedade de seus hits de muitos anos atrás como Guitars, Cadillacs,  e etc. Músicas de seu primeiro álbum, de 1986.

Nos shows anteriores, ele sempre usou os sucessos antigos para promover seu novo repertório, usando os hits antigos como gancho para isso.

Ele sempre faz uma homenagem a Buck Owens, incluindo Streets of Bakersfield, mas praticamente toca apenas músicas do seu LP atual durante os shows.

Quando paramos para pensar nisso, podemos perceber que a seleção de música de um músico ou banda para um grande festival de música com diferentes públicos que essas bandas têm em seus shows pode ser um excelente artifício de marketing de conteúdo.

Marketing de conteúdo?

Sim. Eu vivo dizendo que marketing de conteúdo surgiu muito antes do conteúdo digital e, quando uma banda usa um repertório de uma maneira inteligente para demonstrar o seu trabalho, sim, isso é um ótimo exemplo de marketing de conteúdo.

Se eu tivesse que adivinhar, diria que Yoakam sabe que a multidão do festival é feita, em sua grande maioria, por jovens que conhecem apenas 1 ou 2 músicas de sua carreira (especialmente 1 de seus remakes de canções do Elvis), mas realmente não seguem o progresso dos álbuns de sua carreira.

Misturar o familiar para um público menos concentrado de fãs significa que ele vai entregar uma grande experiência para públicos diferentes.

Seja para produzir conteúdo, ou na escolha de seu repertório, conhecer sua audiência é fundamental.

Seja para produzir conteúdo, ou na escolha de seu repertório, conhecer sua audiência é fundamental.

Extrair uma lição disso é simples

Quando estamos interagindo e respondendo dúvidas em um fórum de marketing de conteúdo, a direção da nossa resposta é um tanto quanto diferente de quando estamos respondendo perguntas no Facebook.

Geralmente esses fóruns são feitos para trocas de informação entre profissionais da área.

Já o Facebook é outros canais sociais estão mais propícios de estarem mais povoados por potenciais clientes.

O objetivo da comunicação pode ser o mesmo, mas a abordagem é diferente.

Pense nisso como quando você se comunicar com seu público ou cliente em vários canais.

Seu público local é diferente daquele do Twitter ou Facebook? Será que esses 2 canais sociais parecem ser ligeiramente grupos diferentes de pessoas?

Ser um profissional de marketing de conteúdo significa saber para qual o público você está falando e como falar de forma adequada para ele.

E isso pode variar de local para local e de canal para canal.

Misture alguns de seus velhos insights com o público amplo, mas entregue novos bens para aqueles que você conhece melhor. Isso não é uma má abordagem, nem no palco, muito menos fora dele.

___

Este artigo foi adaptado do original, “Content Lessons From The Real Pros”, do Social Media Explorer.

Comente este artigo

Populares

Topo