X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Inbound Marketing

Entenda como funciona a mídia – e pare de reclamar de sua assessoria

Entenda como funciona a mídia – e pare de reclamar de sua assessoria

Se a sua empresa não está aparecendo na mídia como você queria, a culpa pode não ser da sua assessoria. Aqui estão alguns fatos que você deveria saber


Se a sua empresa não está aparecendo na mídia como você queria, a culpa pode não ser da sua assessoria. Aqui estão alguns fatos que você deveria saber

Entender como a mídia funciona é a melhor maneira de conseguir espaço dentro dela.

Entender como a mídia funciona é a melhor maneira de conseguir espaço dentro dela.

Os jornalistas são tendenciosos. Nossa assessoria simplesmente não foca na nossa mensagem. Precisamos aparecer em pelo menos 1 veículo por semana. Essas são algumas das afirmações que as empresas fazem sobre suas assessorias de imprensa.

Essas frases são indicativos de erros bastante significantes de como algumas empresas acreditam que a mídia funciona.

Então, aqui estão algumas coisas que você ainda não sabe sobre a mídia. Coisas que podem ajudar a fazer a sua empresa lidar melhor com a mídia, e com a sua assessoria.

#1. Editores são importantes. Os freelancers são seus melhores amigos

Se um jornalista está em uma equipe e encontra um produto ou empresa que seria legal para escrever, você escreve sobre isso. Mas, você também pode incluir isso novamente daqui há 1 ano, em um catálogo, review ou outra matéria.

Como freelancer, se um jornalista acha alguma informação interessante, ele observa todos os ângulos possíveis sobre o assunto, para tentar vender o maior número de variações possíveis da história.

Dessa maneira, um freelancer faz mais dinheiro e maximiza o investimento do seu tempo. Então, obviamente você deve fazer amizade com os editores, mas é muito importante fazer dos freelancers seus aliados

#3. Sua história é chata até que provem o contrário

Os jornalistas não se importam com o seu time, sua família, ou seus financiadores. Eles se preocupam se a sua história é interessante. Para entender isso melhor: os jornalistas se preocupam se a sua história é importante para eles.

A mídia quer descobrir sobre o que escrever e onde encaixar. Isso significa que se um jornalista escreve na sessão de pequenas empresas de um jornal, não vai querer publicar uma história sobre o Walmart.

#3. Seja rápido, as pessoas estão ocupadas

Jornalistas estão agora produzindo 3 vezes mais conteúdo, na metade do tempo, ganhando metade do salário.

Isso significa que um jornalista não vai ter várias conversas com um empreendedor sobre uma história. Ele não vai se deslocar até o seu escritório para tomar café.

E, principalmente, um jornalista não vai fazer uma visita guiada em sua fábrica ao menos que ele realmente esteja interessado e tenha certeza que a visita irá se transformar em, pelo menos 3 histórias para ele.

#4. Ajude os jornalistas a venderem a ideia para seus editores

Ao contrário da crença popular, os jornalistas e, sim até mesmo os blogueiros não escrevem apenas sobre o que os agrada.

Em geral ele tem que vender a ideia para seus editores. Geralmente é preciso ler todo o conteúdo da sessão que o jornalista está criando a sua história, para garantir que não se trata de uma história repetida, e para ter uma ideia de como vender a ideia.

Feito isso, o jornalista escreve 2 parágrafos resumindo a ideia, dizendo porque ela é perfeita para a publicação e porque o veículo deveria cobrí-la.

Os seus e-mails para os jornalistas devem ser parecidos com isso. Assim, você vai facilitar o trabalho do jornalista e, por isso, ele está mais propenso a enviar a sua história para seu editor.

Ajude os jornalistas a venderem a sua ideia.

Ajude os jornalistas a venderem a sua ideia.

#5. O press release está morto. Não tente reanimá-lo

Os jornalistas, em geral, não leem press releases. Por alguma razão, as empresas ainda perguntam por eles, as assessorias ainda escrevem e os veículos ainda publicam esses releases completamente desnecessários e ineficazes.

Não tome o tempo dos jornalistas enchendo suas caixas de e-mail com releases sem sentido.

#6. Saiba o que você vai falar antes da entrevista

Os jornalistas não aguentam mais fontes perguntando se podem mudar suas falas, entrevistas ou opiniões. Geralmente esse pedido não é para resolver um problema ou corrigir um erro, mas sim para adicionar informação.

A resposta será sempre não. Pense sobre o que você vai falar antes da entrevista para que você não comesse a ser odiado pelos jornalistas.

A mídia está completamente acessível

Os jornais e veículos de comunicação estão bem acessíveis. Eles vivem de histórias e, precisam encontrar histórias para contar.

Da próxima vez que você encontrar um jornalista, pergunte a eles sobre seu trabalho. Eles ficarão muito felizes em lhe dizer e, quem sabe até tentem encaixar você na pauta deles, pela educação.

E antes de pensar em dispensar sua assessoria, porque eles não estão colocando você onde você queria, pense se você fez algo que foi digno de publicação.

___

Este artigo foi adaptado do original, “Stop Complaining about PR Firm. Here’s How the Media Works”, do Medium.

Comente este artigo

Populares

Topo