X

Busque em mais de 20.000 artigos de nosso acervo.

Marketing de Conteúdo

Conteúdos sem estratégia são apenas coisas

Conteúdos sem estratégia são apenas coisas

Produzir conteúdo simplesmente não vai ajudar. Ter uma estratégia para fazer isso vai


Internet Trends 2019Powered by Rock Convert

Produzir conteúdo simplesmente não vai ajudar. Ter uma estratégia para fazer isso vai

Se você visitar blogs de marketing por algum tempo, você vai ver este comentário em vários lugares do aclamado storyteller Arjun Basu.

A essência básica é esta: os seres humanos vivem suas vidas acumulando mais e mais coisas para colocarem em mais e mais lugares.

Se formos a algum lugar novo imediatamente precisamos obter mais coisas para preencher esse lugar aberto. A casa é o lugar onde nós colocamos as nossas coisas enquanto nós sairmos e conseguimos mais coisas.

As empresas se comportam da mesma maneira.

Coisas corporativas

Quando a web surgiu, tivemos que pegar todos os nossos produtos e materiais de serviço e preencher todos os bolsos de nosso site.

O pensamento era que quanto mais coisas nós pudéssemos colocar na web, mais chances nós tínhamos de vender o nosso produto.

Assim, quando os clientes estão à procura de coisas, eles sabem que nós temos o material de que necessitam. Então, podemos acrescentar ainda mais coisas em nosso site para que possamos vender ainda mais coisas.

Quando a internet surgiu, usamos nossos sites para falar sobre nossas coisas.

Quando a internet surgiu, usamos nossos sites para falar sobre nossas coisas.

Mais lugares para colocar o nosso material

E então aconteceu. De repente, não havia mais lugares para colocar o nosso material corporativo. Blogs foram criados, e começamos a ter um blog sobre o nosso produto incrível.

O YouTube foi criado, e criamos filmes sobre o nosso produto.

O Facebook foi criado, e criamos fanpages sobre as nossas coisas, esperando que as pessoas gostassem de comentar sobre nosso produto, e até mesmo compartilhar nossos materiais com outras pessoas que esperávamos que queriam comprar nossas coisas.

E então criamos Instragrams e Pinterests de nossas coisas, Tumblrs e Vines do nosso material, e então nós twitamos isso para ver se alguém queria comprar nosso material.

Mas rapidamente percebemos que nosso material não era interessante para os clientes e a maioria dos clientes antigos não queria as nossas coisas e não tinham vontade de compartilhar nossas coisas com outras pessoas que realmente queiram comprar nossas coisas.

Entrou o material de conteúdo

Como os clientes não viram nossas coisas em nosso site, e ignoraram completamente as coisas que falávamos em nossos blogs e outras mídias sociais e, em seguida, o Google não classificou o nosso material em seu motor de busca, encontramos uma melhor maneira: conteúdo sobre coisas.

Começamos a criar material que fosse interessante para os nossos clientes. Nós paramos de falar muito de nossas coisas e começamos a falar sobre as coisas dos nossos clientes, ou pelo menos coisas que nossos clientes se interessavam.

Isso funcionou muito bem. Os clientes começaram realmente a prestar atenção ao nosso material. Alguns até começaram a compartilhar o nosso material. Os pageviews dispararam e as ações sociais aumentaram o número de pessoas que olhavam para o nosso material de conteúdo.

Internet Trends 2019Powered by Rock Convert

Funcionou tão bem, que fomos capazes de conseguir mais orçamento de marketing para criar mais material, e contratar mais pessoas para criar mais material de conteúdo sobre as coisas dos clientes.

Mas o sonho logo terminou, porque mesmo que as pessoas estivessem amando o nosso material de conteúdo, não estava nos ajudando a vender o nosso material corporativo.

Nosso gerente de marketing sênior questionou o porquê estávamos criando todo este material, se não estávamos vendendo.

Deste ponto em diante, não poderíamos criar qualquer coisa com conteúdo até que começássemos a mostrar que era possível vender mais de nosso produto.

O seu conteúdo precisa ressoar com as necessidades dos clientes.

O seu conteúdo precisa ressoar com as necessidades dos clientes.

Entra a estratégia

Conteúdo sem estratégia é apenas material. Há 2 razões porque a maioria das marcas está perdendo seu tempo criando todos esses materiais de conteúdo:

  1. A criação de um material corporativo que não ressoa com o material do cliente significa pouca ou nenhuma atividade e,
  2. A criação de material de conteúdo, sem uma verdadeira estratégia que cria uma atividade sem resultado final que deveria acabar ajudando a empresa a vender o material corporativo.

Aqui está o que sabemos: 9 a cada 10 possuem verbas para conteúdo. Ao mesmo tempo, a grande maioria dessas empresas possui uma estratégia não documentada para o que está criando nesse material de conteúdo.

Para o marketing de conteúdo funcionar, precisamos as nossas coisas, com as coisas que importam para o cliente através do conteúdo.

A estratégia alinha a necessidade dos clientes com a necessidade da empresa.

A estratégia alinha a necessidade dos clientes com a necessidade da empresa.

As nossas coisas = vender mais, economizar mais ou criar clientes mais felizes. Nas palavras de Andrew Davis, isso significa vendas, poupança ou a luz do sol.

Em outras palavras, temos que nos perguntar por que estamos criando conteúdo. São pelas vendas, poupança ou luz do sol?

Como é que vamos medir isso? E qual é a hipótese de quanto tempo isso vai levar?

O conteúdo = criar material durante um período consistente de tempo através de canais consistentes que mostram que entendemos sobre as coisas que importam para o cliente.

Quais são os seus pontos fracos? O que os mantém acordado à noite? Como podemos resolver estes problemas a cada dia, semana, mês, ano, dando-lhes um incrível material de conteúdo que vai ajudá-los com as suas coisas?

A interseção do que você sabe como marca e quais são as necessidades dos seus clientes se torna o ponto central de todo o material de conteúdo que você cria.

___

Este artigo foi adaptado do original, “Content without Strategy Is Just Stuff”, de Joe Pilizzi.

Internet Trends 2019Powered by Rock Convert
Comente este artigo

Populares

Topo